Neto corneta imprensa: ‘Seedorf não pode pipocar pra juvenil’

Compartilhe:

No último domingo, durante o primeiro tempo do jogo entre Botafogo e Portuguesa, houve um bate-boca entre o meia Seedorf e o lateral Gilberto, ambos do time carioca. Eles se cobravam pela marcação do time adversário. Algo do tipo. Aí o holandês deu um tapa no braço do companheiro e as malas de plantão da imprensa já chamaram a atitude de agressão. Para vai! Essas coisas são normais no futebol. Discutir em campo é normal. Sobretudo pela emoção constante que os caras passam.

Ridículo mesmo é um menino de 20 anos, que começou agora no clube, querer levantar a voz e cobrar um cara como o Seedorf. Que isso? Ainda mais super profissional como ele. Duvido aliás que no elenco do Botafogo tenha um cara que treine o tanto que ele treina. E olha que o cara tem 37 anos, hein? A verdade é que a molecada de hoje em dia está muito folgada. Qualquer juvenil de 17 anos tem três celulares e anda de carrão. Absurdo! Precisa ter alguém que segure o freio. Pelo visto no clube da Estrela Solitária quem tem que fazer isso é de fato a estrela solitária.

Fonte: Blog do Neto - UOL

Comentários