Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

17/06/21 às 19:00 - Do Café

Escudo Londrina
LON

X

Escudo Botafogo
BOT

Série B

13/06/21 às 16:00 - Raulino de Oliveira

Escudo Botafogo
BOT

3

X

0

Escudo Remo
REM
Ler a crônica

Série B

05/06/21 às 21:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

2

X

0

Escudo Coritiba
CTB

Octavio conta gafe na Fiorentina e fala de venda de Luis Henrique: ‘Botafogo fez o melhor no momento’

11 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Octavio conta gafe na Fiorentina e fala de venda de Luis Henrique: ‘Botafogo fez o melhor no momento’
Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Octávio defende o Beroe, da Bulgária, mas não se esquece do auge da carreira, quando foi emprestado à Fiorentina nos tempos em que era jogador do Botafogo. O meia lamenta o fato de não ter tido chances para jogar pelo time italiano e ainda revela uma pequena gafe que cometeu assim que chegou a Florença: não reconheceu o próprio treinador.

— Eu fiquei triste por não ter participado de um jogo sequer. Acredito que pelo momento do clube, essa oportunidade não poderia ser dada, mas eu me sentia preparado pra jogar. Uma história engraçada, é que eu não era muito ligado no futebol europeu, e como estava um pouco assustado por estar na Europa e em um grande time, eu não reconheci quando o Montella (Vincenzo Montella, então treinador da Fiorentina e ex-atacante da seleção italiana) veio falar comigo. Ele perguntou se eu ia treinar ou ir à praia e eu respondi como ele se fosse um companheiro de equipe. Disse que ia treinar e sai andando (risos).

Octávio segue acompanhando, mesmo que de longe, o Botafogo, clube que o revelou. Sobre a venda do atacante Luis Henrique, vendido para o Olympique de Marselha, o meia acredita que o Alvinegro acertou na decisão, apesar de o jogador fazer falta em campo, na luta do time contra o rebaixamento para a Série B:

— Todos nós sabemos que o Botafogo vive um momento de dificuldade financeiramente, acredito que o clube fez o que foi melhor no momento, que era vender o jogador, por mais que ele fosse uma das peças mais importantes do elenco — ponderou.

Fonte: Extra Online

Notícias relacionadas
Comentários