Teoricamente, a função do meio-campista é fornecer boas oportunidades para o atacante balançar as redes. Com o avanço do futebol e todo o estudo que envolve o jogo dentro das quatro linhas, esta relação está, cada vez mais, se tornando obsoleta. O Botafogo de Eduardo Barroca é a prova: Alex Santana, volante, é o artilheiro da equipe na temporada, com dez tentos, e já igualou a quantidade de gols marcados pelo goleadores do Glorioso em 2018.

Alex Santana se destaca justamente pelas finalizações de média distância. Com um potente pé direito, o meio-campista é uma das principais armas do clube de General Severiano na temporada. Sem medo de finalizar, o camisa 10 marcou 50% dos seus gols na temporada de fora da área.

No ano passado, ainda no Paraná, Alex Santana foi um dos destaques do time tricolor, apesar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro, justamente pelos chutes de longa distância. Nas duas partidas contra o Botafogo, inclusive, no primeiro turno e no returno da competição, o meio-campista balançou as redes duas vezes contra o Alvinegro.Com a chegada de Eduardo Barroca, porém, os chutes fortes ficaram atrelados a um jogador ainda mais infiltrador e, acima de tudo, responsável por conduzir os contra-ataques do time. Alex Santana é um dos poucos jogadores do atual elenco alvinegro que possui a capacidade de, em velocidade, levar a bola e construir uma transição ofensiva. Contra o Atlético-MG, no último domingo, esta habilidade do camisa 10 fez a diferença para a construção da vitória.

Com dez gols marcados, Alex Santana já igualou Kieza e Brenner, artilheiros do Botafogo na temporada passada. Os dois atacantes acumularam passagens irregulares no Alvinegro e o meio-campista, com 32 jogos – sendo um dos que mais entraram em campo em 2019 – e uma continuidade maior dentro do time titular já igualou a marca.

A habilidade de finalizar com as duas pernas também é um ponto de destaque na temporada de Alex Santana. Destro, 60% dos gols que marcou foram com a sua perna dominante, mas o pé esquerdo não fica para trás, tendo sido responsável por três tentos do atleta. Uma finalização de cabeça completa a lista de gols do camisa 10.

Apesar de ser meio-campista, Alex Santana é uma interessante arma ofensiva do Botafogo. O jogador de 24 anos vive a temporada mais goleadora da carreira e não é para menos que recebeu o apelido de “volante-artilheiro”.

OS GOLS DE ALEX SANTANA EM 2019:
1. Campinense 0 x 2 Botafogo – Copa do Brasil – Pé direito – Chute de fora da área
2. Defensa y Justicia 0 x 3 Botafogo – Sul-Americana – Pé direito – Chute de fora da área
3. Fluminense 1 x 1 Botafogo – Carioca – Pé esquerdo – Chute de dentro da área
4. Botafogo 4 x 1 Portuguesa – Carioca – Pé esquerdo – Chute de fora da área
5. Americano 2 x 2 Botafogo – Carioca – Pé direito – Chute de dentro da área
6. Botafogo 1 x 0 Fortaleza – Brasileirão – Pé esquerdo – Chute de dentro da área
7. Fluminense 0 x 1 Botafogo – Brasileirão – Cabeça – Infiltração dentro da área
8. CSA 1 x 2 Botafogo – Brasileirão – Pé direito – Chute de dentro da área
9. Avaí 0 x 2 Botafogo – Brasileirão – Pé direito – Chute de fora da área
10. Botafogo 2 x 1 Atlético-MG – Brasileirão – Pé direito – Chute de fora de área

Fonte: Terra