Nesta sexta-feira (20), o atacante do Botafogo Rodrigo Pimpão foi um dos que deu entrevista coletiva. O jogador entrou durante a partida conta o Corinthians na última quarta-feira (18) pelo Campeonato Brasileiro e confessou ter sentido um pouco o desgaste.

Uma lesão no tornozelo fez Pimpão ficar fora de treinamentos, mas acabou se recuperando e entrando durante o jogo de quarta-feira. E revelou que existem diferenças físicas entre começar jogando e entrar durante o decorrer dos duelos.

“Tive uma entorse no tornozelo e fiquei nove dias fora. Tive só dois treinos para recuperar a parte física. O treinador (Marcos Paquetá) conversou comigo e me perguntou se eu estava disposto a ir para a partida e eu disse ‘pode contar comigo’. Sempre me dedico ao máximo”, declarou Pimpão.

“Fisicamente eu sinto quando o jogo está rolando. Você tenta dar o máximo e se desgasta rápido. Se você entra de titular, pouca um pouco. Tem essa diferença de você querer mostrar tudo em pouco tempo. Em 90 minutos, você pode mostrar aos poucos”, completou.

O treinador botafoguense ainda não tem sua escalação confirmada para a partida contra o Flamengo, neste sábado (21) pelo Campeonato Brasileiro. Pimpão coloca nas mãos do técnico do Botafogo a oportunidade de poder começar como titular ou entrar durante o jogo.

“Jogador tem sempre que começar jogando e aí fica q a escolha do treinador. Tem que estar preparado e buscar o meu espaço. Não se pode sentir como se não fosse titular, tem que brigar diariamente para ser”, disse.

Fonte: Torcedores.com