Por cláusulas, Botafogo terá que pagar € 1,5 milhão a Pedro Raul; atacante tem sondagens para sair

111 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Pedro Raul - Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

O Botafogo tem mais uma dívida grande por um contrato estranho. Por cláusulas contratuais, o clube terá que pagar € 1,5 milhão (cerca de R$ 9,6 milhões) a Pedro Raul, em três parcelas a cada seis meses, a partir do meio de 2021. A contratação foi conduzida pelo Comitê Executivo de Futebol. A informação é de Thiago Franklin, do “Canal do TF”.

O gatilho foi acionado porque Pedro Raul precisava jogar 60% das partidas do clube, sem contar as que estivesse lesionado.

O Botafogo tem 70% dos direitos econômicos e tenta negociar repassar percentual ao centroavante, como acordo pela dívida. Os outros 30% pertencem ao Vitória de Guimarães (POR).

Pedro Raul deve sair

O centroavante teve proposta do Grêmio de R$ 10 milhões antes do Campeonato Brasileiro, que foi recusada pelo Botafogo. A tendência é que saia após a competição. Há sondagens do futebol japonês.

Veja o vídeo do Canal do TF:

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do TF

Notícias relacionadas