R. Marques e Bruno Mendes protagonizam gangorra alvinegra

Compartilhe:

A vida no futebol é feita de altos e baixos e o Botafogo tem dois personagens que provam a crueldade dos efeitos dessa gangorra. Contratados com uma diferença de dois meses no segundo semestre de 2012 para suprir a carência ofensiva do time, os atacantes Rafael Marques e Bruno Mendes passam por essa situação em um período de apenas um ano.

Em sua chegada ao clube, Bruno Mendes apareceu como um furacão. Chamado de novo Careca no Guarani, onde foi revelado, ganhou uma oportunidade do técnico Oswaldo de Oliveira na reta final do Campeonato Brasileiro de 2012, marcando seis gols em oito jogos.

Essa fase espetacular de Bruno Mendes coincidiu com o drama de Rafael Marques. Ele terminou 2012 com 17 jogos pelo Botafogo e nenhum gol marcado. Transformou-se em alvo da torcida nos momentos de crise por ter sido indicado por Oswaldo.

A maré virou. Rafael Marques, aos 30 anos, deixou de ser carta fora do baralho para se transformar em peça fundamental do time. Com a mesma camisa 20 que vestiu em sua chegada, ele virou o artilheiro do Botafogo no Campeonato Brasileiro, com seis gols, e fez o do título carioca na vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense.

Já Bruno Mendes, que completou 19 anos no dia 2 deste mês, caiu no ostrascismo. Foi barrado por Oswaldo e sequer vem sendo relacionado. Primeiramente por estar à procura de um novo clube e depois para tirar uma verruga da sola do pé esquerdo. Ainda se recupera do problema e tem ficado na academia do clube. Até da camisa 7 se livrou e voltou a usar a 38, com a qual se saiu bem em 2012.

– A relação que a gente tem é de família. A gente conversa muito com o Bruno, sabe a situação dele, principalmente eu. Duas ou três semanas atrás, estava tentando orientá-lo. Precisa ficar tranquilo. Tive apoio de todos e espero que essa fase passe logo. Contamos com ele, pois vai voltar a jogar e ajudar como no fim do Brasileiro do ano passado – disse Rafael Marques.

Bruno Mendes atuou apenas 17 minutos no Campeonato Brasileiro deste ano, na derrota por 2 a 1 para o Bahia, em Aracaju, no dia 6 de junho, sua última vez em campo com a camisa do clube. Na temporada, foram 18. Rafael Marques jogou 28 vezes, todas como titular e foi substituído no empate em 1 a 1 com o Goiás, quando fez o gol, depois de 15 jogos seguidos atuando 90 minutos.

– Desde o começo do ano, vinha trabalhando e não via a hora de ter a pré-temporada. Sempre mantive a tranquilidade, consciente de que poderia dar essa volta por cima. Agora, tenho o apoio da torcida também – comentou Rafael Marques, que lidera a artilharia do time no ano, com 13 gols, enquanto Bruno Mendes tem apenas dois na temporada, ambos no Carioca.

Rafael Marques tem contrato até 31 de dezembro de 2015 com o Botafogo. Já Bruno Mendes está emprestado ao clube até o fim do ano pela HAZ Sports, que vinculou o jogador ao Macaé com contrato até setembro de 2017. Ele entrou com uma ação na Justiça para ficar livre.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários