A sexta-feira do Botafogo foi movimentada. Primeiro, pela oficialização da saída de Pimentinha, que nem ao menos estreou pelo clube alvinegro. Depois, o elenco fez um treinamento no Maracanã, onde jogaria um jogo-treino contra o Queimados, cancelado devido ao fato do time não ter tempo para realizar uma atividade tática completa.

Sem a atividade, Rene Simões utilizou o tempo disponível para preparar seu time titular para o clássico contra o Flamengo, domingo, às 16h. O treinador rebateu uma frase que teria escutado acerca do treinamento de seus comandados no estádio

“Eu achei ótimo treinar aqui no Maracanã. Eu ouvi um comentário de que o Botafogo é tão pequeno que tem que treinar no Maracanã. E o Flamengo é tão grande que o treinador tentou treinar no campo do Macaé e não conseguiu. Todo treinador quer treinar no campo de jogo. A impressão, a sensação é diferente. Fica mais um título aí para o Botafogo. É a única equipe que conseguiu fazer um treino aqui”, afirmou.

Sobre o duelo contra o Flamengo, René fez questão de ressaltar que será importante deixar boas sensações futebolísticas para mostrar em qual caminho a equipe anda.

“Nós temos que provar para nós mesmos que estamos no caminho certo. Isso é provado com o desempenho da equipe. Não me baseio em resultados, mas nos indicadores que a gente tem. Esse jogo vai nos mostrar se estamos no caminho certo devido a isso. É óbvio que para a torcida e para a imprensa os resultados são os indicadores, para nós não. Temos muito ainda para evoluir e ainda temos muito pouco tempo de trabalho”, disse.

Fonte: Super Rádio Tupi