A vitória sobre o Flamengo no último clássico, por 1 a 0, no Maracanã, não foi um bom parâmetro para René Simões. Apesar do resultado positivo, o comandante alvinegro detectou vários erros no esquema empregado pelo líder Botafogo e pediu uma mudança urgente de postura para o desafio deste domingo, contra o também rival Fluminense, às 18h30 (de Brasília), no estádio do Maracanã, válido pela oitava rodada do Campeonato Carioca.

Mesmo com o primeiro posto em mãos, René mostrou intranquilidade e apresentou estatísticas para justificar seu descontentamento com o desempenho passado.

“Foi o nosso pior jogo em termos de indicadores. Nada foi pior do que fizemos domingo. Só fui conseguir dormir na segunda-feira, às 16 horas. Tivemos sete escanteios contra e um a favor. Além disso, se deixarmos o adversário com 61% de posse de bola novamente, dificilmente ganharemos”, avaliou.

Para corrigir os erros, René protagonizou uma semana intensa de treinamentos. De ponto positivo na vitória sobre a formação da Gávea, além do gol de Tomas, o comandante alvinegro apontou a entrada de Gegê. A boa exibição do jovem meia garantiu sua titularidade neste domingo, na vaga de Diego Jardel.

“A entrada do Gegê deu um bom equilíbrio no meio-campo. Ele entrou bem, com personalidade. É um jogador que pode nos dar mais mobilidade, compactação e liberdade aos homens de frente. Além disso, precisamos de aplicação e comprometimento com a parte tática”, encerrou.

Outra mudança confirmada por René é a entrada de Diego Giaretta na vaga de Roger Carvalho, suspenso. Líder do Campeonato Carioca, o invicto Botafogo é detentor de 19 pontos, trilhando um retrospecto de seis vitórias e um empate, distando duas unidades de vantagem do Vasco.

Fonte: ESPN.com.br