A boa campanha do Botafogo no Campeonato Estadual tem feito o técnico René Simões repetir uma espécie de lema para embalar a equipe que comanda. Nos bastidores e em entrevistas, ele tem dito que o clube precisa de jogadores com fome, sede e pressa. O pensamento tem animado o grupo.

Antes do início do Estadual, o Botafogo definiu um perfil para contratações: jogadores que passam por um período de baixa na carreira e que já tiveram destaque por grandes clubes, ou jovens apostas vindas de clubes sem grande projeção.

— Quando esse grupo foi montado, já estava preparado em cima do perfil de cada atleta — disse Diego Jardel à Rádio Brasil. — Os jogadores estão acreditando nessa fome por resultado. Só tenho a agradecer a oportunidade por jogar por um grande clube como o Botafogo.

Jogadores como Bill, Willian Arão, Carleto e Rodrigo Pimpão despontaram temporadas atrás em grandes clubes. Entre as promessas, Diego Jardel, Tomas e Renan Fonseca surgem como as apostas. A mescla entre experiência e juventude foi exaltada por Diego Jardel:

— Antes de jogar pelo Botafogo, via jogadores como Bill, Marcelo Mattos e Jeffersonem conquistando títulos e jogando por grandes equipes. É um prazer inenarrável jogar ao lado de grandes jogadores como eles.

O camisa 10 ainda projeta contratações para qualificar ainda mais o grupo para a disputa do Brasileiro.

— O calendário da Série B é longo. Fizemos apenas dez jogos no ano, mas o início anima a todos. A diretoria sabe do que o Botafogo precisa. Os que chegarem entrarão no trabalho que o René tem feito — comentou o meia.

Fonte: Extra Online