O volante Gabriel não terá pressa para responder sobre uma possível volta ao Botafogo. Livre após se desvincular do clube na Justiça e alvo de Cruzeiro e Palmeiras, o volante só deve dar uma posição ao clube em janeiro, segundo o Globoesporte.com. Na última segunda-feira, o Botafogo se reuniu com o advogado do atleta, Rui Fernando Almeida, e formalizou uma proposta para que ele possa rever a decisão de se desligar juridicamente.

Fonte: Globoesporte.com