Geralmente Ricardo Gomes não é de fazer mistério, mas nesta sexta-feira, o técnico não quis revelar qual será a dupla de ataque para o duelo com o Boavista. Neilton, Luís Henrique e Ribamar disputam as duas vagas. O último retorna amanhã ao Glorioso, após um período de treinos com a Seleção Sub-20 na Granja Comary. No entanto, o treinador confirmou que o restante do time será o mesmo que treinou na quinta.

“Aí, só 45 minutos antes do jogo (risos). Sim (mesmo time), não tem nenhum lesionado em relação ao treino de ontem, e teremos a chegada do Ribamar”.

Por conta das lesões de Fernandes e Airton, Ricardo Gomes precisou abrir mão do esquema com três volantes, retornando ao 4-4-2, utilizado no início da temporada. O treinador explicou a mudança no meio de campo.

“Alternativa. Importante é que nós temos hoje um padrão. Temos que ter alternativas. Fizemos isso no último jogo. Os três volantes, que são três jogadores de meio de campo, no caso seriam Airton, Bruno e Rodrigo (Lindoso) os titulares, o Bruno sempre foi de executar, o Rodrigo era meia… Então, sem problemas na formação do meio de campo. Fernandes também fez isso ano passado comigo, era Rodrigo, Arão e Fernandes. Quando você perde dois, aí tem que mudar ali. É o caso do próximo jogo. Tem que ter jogadores que correspondam qualidade ofensiva e defensiva”.

O Botafogo volta a campo no domingo (17), diante do Boavista, às 16h, em Bacaxá. A partida é válida pela última rodada da Taça Guanabara.

Fonte: Site da Rádio Tupi