Anunciado em 22 de julho como sucessor de René Simões, o técnico Ricardo Gomes enfim foi apresentado oficialmente pelo Botafogo. Após acompanhar o treino no estádio Nilton Santos, ele relembrou as dificuldades da sua recuperação de um AVC (acidente vascular cerebral) e projetou voos altos para o Glorioso. “É um desafio maior. Depois do acidente, ter uma proposta do Botafogo… é um grande clube”, exalta o treinador, que sofreu um AVC quando comandava o Vasco da Gama, em 2011. Ricardo Gomes assume o Botafogo na quarta-feira e pretende não fazer grandes mudanças.

“Quero dar continuidade ao que foi bem feito com o René (Simões) e do Jair (Ventura). Não vou mudar, isso é o principal. Se mudo o método, o jogador também vai demorar duas ou três semanas para entender”, argumenta o treinador, que foi contratado após René ser demitido há dez dias devido à eliminação da Copa do Brasil.

Tendo a Série B do Campeonato Brasileiro como única preocupação até o final da temporada, o Botafogo vai a campo às 21h50 (de Brasília) desta terça-feira, contra o Criciúma, para receber Ricardo Gomes na liderança. “É a primeira vez que recebo um clube na liderança”, brinca o novo treinador alvinegro. “O trabalho do René foi excelente, e o Jair, um espetáculo. Estão de parabéns pela forma com que montaram o time”, finaliza.

Fonte: Yahoo! Esportes