Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Rival: capitão do Grêmio fará cirurgia no pé esquerdo e só voltará a jogar em 2018

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

O Grêmio não contará mais com o volante Maicon neste ano. Com tendinite crônica no tendão de Aquiles do pé esquerdo, o capitão, que se queixava frequentemente de dores, terá de passar por cirurgia e ficará afastado dos treinos por três meses. Assim, só voltará à equipe na próxima temporada.

A informação foi revelada pelo médico Márcio Bolzoni em entrevista após o treino no CT Luiz Carvalho na manhã desta quinta-feira. Segundo Bolzoni, a decisão da cirurgia foi tomada em acordo com atleta e o técnico Renato.

— O Maicon não evoluiu satisfatoriamente do problema do tendão. Nós, junto com o jogador e a comissão técnica, decidimos que ele irá para cirurgia. Com isso, encerra sua participação neste ano. Sua recuperação não permitirá que participe dos campeonatos que o Grêmio está disputando — anunciou Bolzoni.

O médico ainda confirmou que a cirurgia ocorrerá neste sábado. Por conta disso, Maicon ficará afastado dos treinos até o final do ano para se recuperar. Assim, só voltará a trabalhar com o grupo na pré-temporada de 2018.

— O prazo (de recuperação) é em torno de três meses. Por isso, consideramos outubro, setembro e novembro. Isso esgota nossa temporada — completou.

O volante Michel, que substituirá o capitão contra o Sport, neste sábado, pelo Brasileirão, mas não poderá atuar no primeiro jogo com o Botafogo, nas quartas de final da Libertadores, por estar suspenso, lamentou o ocorrido:

— A gente perde muito com a lesão do Maicon. Mas ele continua nos ajudando no vestiário com sua liderança.

Notícias relacionadas
Comentários