Rivalidade de alcance nacional: Botafogo e Flamengo duelam por vaga na semifinal

Compartilhe:

A rivalidade mais aflorada e equilibrada dos últimos anos no Rio de Janeiro ganha nesta quarta-feira, 21 anos depois da final do Brasileirão de 1992, mais um capítulo decisivo em âmbito nacional. E desta vez, não adianta Flamengo e Botafogo repetirem a sina de empates que os tem marcado. Um terá que deixar o Maracanã como vencedor. Rivais em quatro das últimas sete finais de Carioca – e com encontro em outras duas semifinais -, rubro-negros e botafoguenses medem forças a partir das 21h50m (de Brasília), por uma vaga na semifinal da Copa do Brasil. A primeira partida, realizada no fim de setembro, terminou em igualdade: 1 a 1.

Empatar, por sinal, virou rotina desde quando a dupla iniciou a série de encontros decisivos, no Carioca de 2007. De lá para cá, foram 35 jogos, e 20 terminaram sem vencedor – o Fla levou a melhor em nove, e o Bota, em seis. Desta vez, porém, a igualdade leva para os pênaltis a decisão de quem encara Vasco ou Goiás na disputa por um lugar na final. Como as duas partidas acontecem no Maracanã, não é levado em conta o critério do gol fora de casa no confronto.

Em 11º no Brasileirão, o Flamengo já não sofre tanto com o risco do rebaixamento, mas nem por isso entra em campo menos pressionado. Em uma temporada marcada pela promessa de reconstrução administrativa pela nova gestão, a Copa do Brasil surge como única esperança de título após um Carioca em que sequer chegou a final de turno. Até por isso, a empolgação do torcedor é tão grande: o setor destinado aos rubro-negros teve os ingressos esgotados na última segunda-feira. Internamente, o clube também já trata a competição como prioridade, e Jayme de Almeida poupou Léo Moura, Elias e Paulinho da partida contra o Atlético-MG, domingo, já visando ao clássico.

A esperança no Botafogo está no bom retrospecto em clássicos na temporada, com uma série de 11 sem perder. No Campeonato Brasileiro, por exemplo, o time venceu três e empatou três. Além disso, o técnico Oswaldo de Oliveira deu um descanso para a maioria de seus titulares, incluindo Seedorf e Rafael Marques, dois dos principais nomes  do elenco.

Paulo Cesar de Oliveira (SP) apita a partida, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Fabio Pereira (TO). A Globo transmite a partida para RJ, MG (menos Uberlândia e Ituiutaba), ES, GO, TO, MS (Corumbá), BA, SE, AL, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR, AP e DF. O SporTV exibe o jogo para todo o Brasil, e o PremiereFC Internacional para os telespectadores de fora do país. O GLOBOESPORTE.COM detalha todos os lances em Tempo Real e com vídeos.
header as escalações 2Flamengo: sem João Paulo, Jayme de Almeida começará a partida com André Santos na lateral esquerda. Com isso, Luiz Antonio entra no meio-campo e se torna a única novidade na escalação tida como ideal pelo treinador. O Flamengo deve encarar o Botafogo com Felipe, Léo Moura, Chicão, Wallace e André Santos; Amaral, Luiz Antonio, Elias e Carlos Eduardo; Paulinho e Hernane.

Botafogo: Oswaldo de Oliveira ainda espera para avaliar as condições físicas de Lodeiro e Gegê antes de confirmar o time para o clássico. As mudanças serão mínimas e pontuais. A única surpresa pode ser a escalação de um atacante, com Rafael Marques atuando mais recuado. A formação deve ser a seguinte: Jefferson, Gilberto, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Renato, Lodeiro, Gegê (Sassá) e Seedorf; Rafael Marques.quem esta fora (Foto: arte esporte)Flamengo: um problema no joelho direito tirou João Paulo da partida decisiva. O lateral-esquerdo sofreu a lesão ainda nos minutos iniciais da vitória sobre o Bahia, há uma semana, e desde então fez tratamento intensivo. Apesar de liberado pelo departamento médico na última segunda-feira, não tem condições de jogo e está descartado. Outras ausências são o zagueiro Samir, que se recupera de um problema no abdômen, o volante Cáceres, que vai operar uma hérnia na região da virilha, e o meia Gabriel, com uma lesão no joelho. Já Marcelo Moreno, que deixou o recreativo de terça-feira queixando-se de dores também no joelho, é dúvida.

Botafogo: o lateral-direito Lucas e o meia Cidinho estão se recuperando fisicamente depois de passarem por cirurgias. Edílson está suspenso e Elias, além de uma lesão na coxa esquerda, também não pode atuar por já ter defendido o Resende na Copa do Brasil. Recuperado de uma lesão na coxa direita, Gabriel está sendo preparado para o confronto com o Atlético-MG, sábado, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro.

header pendurados (Foto: ArteEsporte)

Flamengo: André Santos.

Botafogo: Alex, Dória, Gabriel e Lodeiro.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários