René Simões se diz muito satisfeito com a exibição do Botafogo na vitória sobre o Paysandu, na noite do último sábado. O treinador explica que, apesa de encarar obstáculos no Mangueirão, a equipe conseguiu corrigir algumas falhas.

“Melhoramos a saída de bola, que foi um erro gravíssimo contra o Vasco”, avalia René Simões, referindo-se às finais do Campeonato Carioca. “Usamos a bola longa, mas não foi chutão. Estou feliz pela vitória e pelo progresso.”

O placar magro evidencia a dificuldade encontrada pelo Glorioso na estreia. Segundo o técnico, porém, os problemas têm a ver com a umidade de Belém e com a agilidade característica da Série B do Campeonato Brasileiro.

“Tivemos um jogo muito difícil. A Série B tem um jogo diferente, agudo, rápido. O que tentamos fazer hoje foi controlar a partida e conseguimos. Porque sabíamos que seria complicado aguentar a umidade e a estreia. Os jogadores foram muito bem”, aprova René.

Segundo o treinador, o Botafogo melhorou bastante no segundo tempo pelas entradas de Daniel Carvalho. “Ele não volta muito à defesa ao lado do Marcelo Mattos e do Willian Arão, mas gosta de receber a bola na frente para distribuir o jogo”, explica, elogiando a presença do meia no esquema proposto.

“Pedi que o time fosse mais incisivo. No primeiro tempo chegamos ao ataque algumas vezes, mas com poucas finalizações. No segundo tempo fizemos mais isso. O Daniel Carvalho ajudou a deixar o time mais incisivo”, finaliza o treinador.

Fonte: Yahoo!