Seedorf elogia ‘abertura mental’ do Bom Senso: ‘Quero um legado para o futuro’

Compartilhe:

Um dos maiores jogadores em atividade do futebol mundial, Seedorf elogiou as reivindicações propostas pelo Bom Senso FC neste domingo. Após o empate em 1 a 1 contra o São Paulo neste domingo, o veterano meia do Botafogo afirmou que o movimento está proporcionando uma “abertura mental” no futebol brasileiro e louvou os veteranos que apoiam o movimento mesmo sem a certeza de que estarão em atividade caso as propostas do grupo sejam acatadas pela CBF.

“Estou dando meu suporte para os jogadores brasileiros. O Brasil pode trazer muito para a Europa, mas tem coisas que podemos fazer melhor. A coisa bonita é que os jogadores que estão acabando a carreira estão querendo deixar um legado. Desses caras, provavelmente, ninguém vai jogar mais. Isso vai manter mais jogadores aqui. O potencial que o Brasil tem é enorme. Tem pontos que muita gente não sabe que vivemos e não têm nada a ver com dinheiro”, disse.

“Tem que ter abertura mental para melhorar o futebol no Brasil. Não tenho nada a falar e agradeço o que o Brasil me deu. quero deixar um legado para o futuro”, finalizou o jogador de 37 anos, que defende o Botafogo desde junho do ano passado. Revelao poderoso Ajax de 1995, o holandês – que conquistou quatro títulos da Champions League – também atuou por Real Madrid, Internazionale e Milan, considerados modelos de gestão no mundo todo.

Criado neste ano, o Bom Senso FC é um movimento liderado pelos jogadores dos principais clubes do país e visa cobrar da CBF melhorias no calendário do futebol, nas condições de trabalho dos atletas, participação maior nos órgãos regentes da modalidade e fair play financeiro por parte dos clubes.

Fonte: ESPN.com.br

Comentários