Seedorf inicia carreira de técnico: comandou Boavista Sub-17 em amistoso na 2ª

Compartilhe:

Que Clarence Seedorf é um grande jogador de futebol, ninguém discute. Mas o veterano, de 37 anos, parece estar se especializando em outra ocupação para quando deixar os gramados. A primeira experiência do holandês como técnico aconteceu na manhã desta segunda-feira (21), e por um time de menor investimento. Ele comandou o time sub-17 do Boavista num amistoso contra o Madureira, vencido pelo Tricolor por 1 a 0.

O confronto aconteceu no Estádio Aniceto Moscoso, na manhã de segunda-feira. A partida foi bastante equilibrada e terminou com vitória dos donos da casa, por 1 a 0, após Jordan fazer um golaço de esquerda, chutando de fora da área. O jogador do Botafogo substituiu Mathura Junior, técnico do Boavista sub-17, que não foi ao confronto.

Demonstrando desenvoltura e intimidade com os garotos, Seedorf deu várias dicas e orientações a seus pupilos, que já o conheciam bem. Chamando-os pelo nome, com o já característico sotaque holandês apesar do português impecável, o craque mostrou já ter um pouco do espírito de líder, algo que já demonstra em seu Botafogo, conversando com a arbitragem e cobrando posicionamento dos jogadores mais jovens.

Seedorf faz parte da comissão técnica dos juvenis do Boavista graças a uma parceria entre uma empresa holandesa e as categorias de base do clube. O camisa 10 alvinegro está fazendo um curso para tornar-se treinador e no início do ano, chegou a ter algumas aulas com Américo Faria, ex-auxiliar da Seleção Brasileira.

A vocação de Clarence para um eventual futuro cargo de treinador já parece tão clara que a imprensa italiana chegou a noticiar, entre junho e agosto, que o jogador se tornaria técnico do Milan (ITA) no meio do ano. O “Corriere Della Sera” afirmou que o clube rossonero, onde o holandês jogou por dez temporadas, tinha um acordo com o jogador, mas desistiu. A informação nunca foi confirmada pelo craque, embora o mesmo já tenha revelado ao “SKYSports” que ser treinador, algum dia, faz realmente parte de seus planos.

Com 20 anos de carreira profissional, Seedorf ainda não tem data para deixar o futebol como jogador, mas já parece estar se preparando para fazer bem as coisas quando deixar as quatro linhas e ficar mesmo à beira delas.

Fonte: FutRio

Comentários