O Botafogo foi uma das grandes surpresas do ano de 2016. Voltando a disputar à elite do futebol brasileiro, o clube de General Severiano era apontado como um provável rebaixado e viu esse discurso ser reforçado com o seu mau início, contudo, o Fogão deu a volta por cima.

Terminando o Brasileirão como o quinto colocado e garantindo sua classificação para a Libertadores da América, o Glorioso fez muita gente se arrepender do que pensou sobre ele ao longo de 2016 e isso vale tanto para jogadores, como para jornalistas. Relembre alguns.

Neto foi um dos que mais se destacaram por, ainda nas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro, insistir em afirmar que o Botafogo já estaria rebaixado. Contudo, com a troca do comando da equipe, o Alvinegro saiu do Z-4 e chegou ao G-6, mostrando a previsão do comentarista não se concretizou.

Renata Fan também afirmou no início do Brasileirão que o Botafogo cairia para a Série B, mas, ao término da competição, a apresentadora da TV Bandeirantes e torcedora do Internacional, se desculpou com os alvinegros e ainda viu seu time do coração parar na 2ª divisão.

Casagrande, comentarista do Sportv, não levou muita fé que o Botafogo se classificaria para a Libertadores da América. Fazendo tal afirmação quando o regulamento da competição previa 4 vagas via Brasileirão, ele viu sua ideia cair por terra com a mudanças para G-6.

Por fim, Alex, do Internacional, e Henrique, do Grêmio, recusaram propostas para defender o time da Estrela Solitária e, hoje, poderiam não só disputar uma Libertadores, como ser titulares.

Fonte: Torcedores.com