O torcedor botafoguense tem uma notícia boa e uma ruim para se apegar. A positiva é que, mesmo em duas derrotas, Gustavo Bochecha entrou bem no time e vem se tornando opção cada vez mais viável para Zé Ricardo nos próximos jogos. A negativa é que o volante tomou o terceiro cartão amarelo e está suspenso do jogo contra o Sport, amanhã, às 21h, no Estádio Nilton Santos.

Contra o Atlético-MG, Bochecha substituiu Matheus Fernandes, que estava suspenso. Inclusive, quando o volante deixou o campo, o Botafogo perdia apenas de 1 a 0 — os mineiros depois fariam mais dois gols.

A boa atuação valeu uma nova vaga contra o Palmeiras, na quarta. Rodrigo Lindoso foi quem ficou de fora, por lesão, e abriu espaço para Bochecha entrar no equipe mais uma vez. Novamente, o jovem foi substituído e, dessa vez, o Botafogo sustentava o empate em 0 a 0 com ele e campo. Depois, até por ter tido o lateral esquerdo Moisés expulso, os paulistas fizeram 2 a 0. Além de Lindoso, Leo Valencia, por desgaste, também ficou fora contra o Palmeiras, abrindo espaço para Zé Ricardo testar um esquema com três volantes (Jean, Matheus Fernandes e Bochecha).

Contra o Sport, amanhã, a tendência é que o chileno volte e o esquema volte a contar com um meia central. Rodrigo Lindoso ainda não deve ter condição, e Matheus Fernandes deve fazer dupla à frente da zaga novamente com Jean. Moisés, que foi expulso, também vai ficar de fora. Gilson volta ao time.

O goleiro Saulo chegou a apresentar um problema no púbis, mas não foi constatada nenhuma lesão e ele vai para o jogo contra Sport.

Fonte: Extra Online