O apoiador Jorge Wagner mais uma vez não foi bem e acabou vaiado pela torcida do Botafogo na derrota por 2 a 0 para o Goiás, nesta quarta-feira, em Juiz de Fora. O técnico Vagner Mancini admite que a sequência de jogos pode estar atrapalhando o experiente meia, que pode ser poupado no jogo diante do Grêmio, quarta que vem, em Caxias do Sul.

– Tentei nesss jogos manter o Jorge Wagner na equipe porque se trata de um atleta dedicado. Mas é óbvio que no aspecto técnico ele está um pouco abaixo do que pode mostrar, assim como outros atletas. Temos que cuidar do Jorge Wagner para que lá na frente ele possa nos ajudar novamente – afirmou o treinador.

Quem também esteve abaixo do que pode mostrar foi o meia Daniel. O garoto, que fez três gols na goleada sobre o Criciúma no Maracanã, não repetiu a atuação e foi substituído no segundo tempo. Mancini acredita que o fato de jogar em sua cidade-natal, Juiz de Fora, pode ter afetado o desempenho do jovem jogador.

– Pode ter pesado sim. É difícil para um atleta dessa idade, que ainda não tem uma base sólida emocional para suportar isso tido. Ele vem de uma ótima atuação e de repente vem jogar na sua cidade e aí tem que ser aprovado novamente. Isso afeta muito o atleta. Ele é testado duas ou até mais vezes na semana. Ele não teve um bom desempenho, assim como outros até com mais idade do que ele. Temos que levar tranquilidade e eles, estão todos sentidos, a fase não é boa, mas o atleta tem que tirar forças lá de dentro para se recuperar – disse.

Fonte: Redação FogãoNET