Pela primeira vez após o início do Brasileiro, o Botafogo conta com uma semana cheia para trabalhar. O duelo da vez será contra o Fluminense, neste sábado, às 16h, pela quarta rodada, no Maracanã. O Clássico Vovô será fundamental para que a boa fase do time de Eduardo Barroca se concretize.

Neste momento, o Botafogo soma seis pontos em nove possíveis, uma vez que triunfou nos últimos dois confrontos seguidos no Nilton Santos – contra Bahia e Fortaleza. Agora, o Alvinegro encontrará uma equipe que possui uma filosofia de jogo símile, com o objetivo de vencer um clássico pela primeira vez em 2019.

– Estamos otimistas. Mas com pés no chão, o campeonato é longo. Em duas rodadas subimos para sexto. Pode acontecer o contrário também, então vamos jogo a jogo. Passa muito pelo duelo de sábado para mantermos as coisas boas – salientou João Paulo, em entrevista coletiva concedida na última quarta.

Como não avançou às semifinais de turno e nem do Carioca, o Botafogo só jogou três clássicos no ano: empatou com Vasco e Fluminense e foi derrotado para o Flamengo. Para evitar um revés e consolidar o bom trabalho de Barroca, Gatito Fernández será essencial. Ele está bem ciente do peso do próximo duelo:

– Acho que temos que manter o trabalho, conseguimos pegar a ideia do Barroca, estamos gostando. É aprimorar para conseguir a vitórias. Precisamos ganhar um clássico, espero que consigamos continuar pontuando – falou o goleiro paraguaio, também nesta semana.

Fonte: Terra