O meia-atacante Tomas, do Botafogo, se destacou no Boa Esporte na temporada passada, pela Série B do Brasileirão, e marcou 15 gols. No Bota, o jogador de 23 anos continuou o bom trabalho e virou titular rapidamente.

Para ele, que passou rápido pelo período de adaptação, a boa convivência com os companheiros foram essenciais em sua chegada ao clube.

“Não é fácil ter que se adaptar, é o que venho fazendo. Acho que já dei minha cara no Botafogo, a maioria das pessoas me conhece. O que a torcida do Botafogo quer é gol, né? Aos poucos eu tenho certeza que vai sair. É um ambiente muito bom, um ajudando o outro. René passa muita tranquilidade para todo mundo, para todo mundo se expor. Isso faz muita diferente entre nós”, destacou Tomas.

Tomas já fez 17 jogos com a camisa botafoguense e marcou apenas dois gols. Porém, um deles no clássico contra o Flamengo, que garantiu vitória e consolidação de vez no time titular. Recentemente, ele perdeu a vaga para Gegê, mas o atacante enfrentou o Capivariano e Tomas ficou no Rio com os jogadores considerados titulares se preparando para o clássico contra o Vasco. Para ele, mais um sinal de confiança em ser titular no domingo.

“Passa mais confiança, sim. Todos os que estão aqui estão focados, até os que foram lá (Capivariano) para jogar. Todos com um só pensamento. É um jogo totalmente importante para nós no domingo. Vamos trabalhar firme e buscar esse título. A cabeça está tranquila. A semana está sendo boa, de bastante trabalho. O que o René vem passando para nós é manter a calma, o foco, e sempre buscar a vitória que é o que a gente quer no domingo”, destacou Tomas.

Fonte: FutNet