Porto Alegre nunca foi tão alvinegra. Muitos torcedores do Botafogo já estão na capital gaúcha e outros a caminho de lá para acompanhar o jogo decisivo das quartas de final da Libertadores contra o Grêmio, nesta quarta-feira, na Arena. Com a carga destinada aos alvinegros esgotadas, tem gente que vai ficar no meio da torcida do Grêmio mesmo.

– Na pele está tatuado o escudo do Botafogo. Vamos lá, não conseguimos ingresso, mas consegui ingresso na torcida do Grêmio e vou ficar quietinho ali no meu cantinho. Na hora de comemorar vai ser aquela comemoração bem sutil e vamos torcer. Vamos rumo à classificação para as semifinais! – afirmou Frederico Mattos, em bate-papo na Rádio Globo nesta quarta com o repórter Renan Moura.

O torcedor, por sinal, não encarará a situação pela primeira vez. Ele revelou que contra o Flamengo, nas semifinais da Copa do Brasil, também entrou com ingresso para a torcida mandante, no jogo no Maracanã.

– Na semifinal contra o Flamengo, eu ganhei ingresso da Secretaria de Saúde e era para a torcida do Flamengo. Cheguei lá estava conversando com os policiais e conseguimos passar para o outro lado, para a torcida do Botafogo. Passamos um sufoco. Mas nesse a gente não vai ter sufoco não – disse Frederico, que apostou na vitória alvinegra por 1 a 0, com gol do ex-gremista Guilherme.

Fonte: Redação FogãoNET e Rádio Globo