Depois de empatar com o Colo Colo em 1 a 1 na noite de quarta-feira e avançar na fase preliminar da Libertadores, o Botafogo aguarda seu próximo adversário em uma disputa entre o velho e o novo na América do Sul. Olimpia (PAR) e Independiente del Valle (EQU) se enfrentam nesta quinta-feira, às 21h45m (horário de Brasília), no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, e o vencedor enfrenta o alvinegro carioca na última etapa antes da fase de grupos.

O apelido do Olimpia — “Decano” — já entrega as credenciais de time tradicional no futebol sul-americano. Maior campeão paraguaio, com 40 títulos, além de tricampeão da Libertadores, o Olimpia disputou sua última final continental em 2013, quando perdeu para o Atlético-MG. Já o Independiente Del Valle despontou apenas nesta década, após ser comprado por um grupo de empresários. Sob nova direção, mudou o branco e vermelho original — em referência ao Independiente argentino, inspirador da fundação nos anos 50 — pelo azul e preto, as cores atuais. E chegou mais longe do que nunca em 2016, quando caiu na final da Libertadores para o Atlético Nacional (COL).

O time vice-campeão da América no último ano se desfez. Sornoza e Orejuela, pilares do meio-campo, rumaram para o Fluminense. O goleiro Daniel Azcona, destaque na Libertadores, trocou o Del Valle justamente pelo Olimpia, adversário na pré-Libertadores. Foi o mesmo caminho tomado pelo treinador uruguaio Pablo Repetto, que trocou o Equador pelo Paraguai neste ano, e pelo meia-atacante Jonathan Gonzáles, que deve ser titular contra o ex-clube nesta quinta-feira.

TIMES RENOVADOS

A lista de reforços do Olimpia incluiu também o atacante argentino Pablo Mouche, que atuou pelo Boca Jrs (ARG) e teve passagem pelo Palmeiras. O clube conta com outros nomes badalados no Paraguai, como o volante Cristian Riveros (ex-Grêmio) e os atacantes Roque Santa Cruz e Julián Benítez, todos com passagens pela seleção.

— Este Olimpia é basicamente um time novo, cujo treinador tem uma ideia de jogo que os atletas ainda não conseguiram assimilar. É um time que tenta jogar pelas pontas e entrar em diagonal na área, ou chegar à linha de fundo para fazer cruzamentos — explicou ao GLOBO o jornalista paraguaio Pedro Lezcano, do “Ultima Hora”.

No jogo de ida, em Quito, o zagueiro argentino Juan Segovia fez o gol da vitória por 1 a 0 do Del Valle (veja no vídeo abaixo), que carrega vantagem mínima para a partida de volta em Assunção. Embora tenha perdido boa parte do elenco após o sucesso na última Libertadores, o time equatoriano tenta manter a formação no 4-2-3-1 do último ano.

Os dois únicos remanescentes são o lateral-esquerdo Ayala e o volante Arroyo, coadjuvantes naquele time. O trio ofensivo do meio-campo mescla o experiente Mera, de 31 anos, com os velozes Mejía e Cortez, ambos de 21. O comando do ataque cabe agora ao jovem Michael Estrada, de 20 anos, autor de dois gols na primeira etapa da Libertadores, quando o Del Valle superou o Municipal (PER) por 3 a 2 no placar agregado, avançando para enfrentar o Olimpia.

Para avançar novamente e encarar o Botafogo, o Del Valle precisa apenas de um empate nesta quinta-feira. Já o Olimpia tem de vencer por dois gols de diferença, já que vitória por 1 a 0 leva para os pênaltis, enquanto qualquer outro placar por um gol de diferença dá a vaga aos equatorianos pelo critério do gol fora de casa. Com currículo mais vistoso e novidades mais badaladas no elenco, o clube paraguaio não quer saber de surpresas.

— Historicamente, o Olimpia carrega uma mística única quando joga no Paraguai pela Libertadores. É um clube grande que tem muitos torcedores. Se não avançar de fase, vão considerar um verdadeiro fracasso — resume Lezcano.

FICHA DO JOGO

Olimpia: Azcona, César Benítez, Cañete, Salcedo e Ortiz; Mendoza, Riveros, Jonathan Gonzáles e Julian Benítez; Montenegro e Ferreira.

Independiente del Valle: Bone, Núñez, León, Segovia e Ayala; Arroyo, Rizotto, Mejía, Mera e Cortez; Estrada.

Juiz: Wilmar Roldán (Fifa/Colômbia)

Local: Estádio Defensores del Chaco, em Assunção

Horário: 21h45m (horário de Brasília)

Fonte: O Globo Online