A expressão “O maior de todos” sempre foi bastante utilizada no Botafogo para reverenciar grandes ídolos que vestiram a camisa alvinegra, como Garrincha e Nilton Santos. Desta vez, quem recebe a rara distinção é o jóquei botafoguense J. Ricardo ao chegar ao topo da carreira durante o torneio Tríplice Coroa: 12.844 vitórias, o que faz dele o maior em todos os tempos no turfe. Presente no Jockey Club para homenageá-lo, o Presidente Nelson Mufarrej parabenizou a lenda pela notável façanha.

– É uma honra muito grande premiar um dos maiores jóqueis, se não for o maior, que está igualando o recorde mundial. Tenho o prazer de estar aqui, como Presidente do Botafogo, prestando essa homenagem ao botafoguense J. Ricardo – destacou o Presidente, que acompanhou as corridas finais na companhia do Vice-Presidente de Comunicação Marcio Padilha e do Vice-Presidente Comercial e Marketing Nelson Sant´Anna.

O momento sublime de Ricardinho, como é carinhosamente conhecido, foi lembrado pelo seu clube do coração. A diretoria do Botafogo o presenteou com uma camisa oficial personalizada constando o número 12.844 – em referência ao número de vitórias histórico – e uma placa para eternizar o feito.

A Tríplice Coroa reservou ainda, no domingo, um páreo nomeado “Botafogo de Futebol e Regatas”. Para prestigiar o evento, o Departamento de Marketing estimulou os torcedores a assistirem ao páreo festivo e acompanharem as últimas vitórias do Ricardinho. Quem compareceu com a camisa do clube, ganhou brindes.

A75I0709

Sobre Jorge Ricardo (Ricardinho)

Correndo desde 1977, e torcedor do Botafogo, Jorge Ricardo começou aos 16 anos como aprendiz. Ele é filho de Antônio Ricardo, que na sua época chegou a ser o recordista com o maior número de vitórias em hipódromos sul-americanos.

Fora do Brasil e Argentina, Ricardinho correu no Peru, Uruguai, Chile, Estados Unidos, França e Reino Unido. Durante 26 anos, dominou todas estatísticas anuais do Hipódromo da Gávea.

A carreira de Jorge Ricardo é repleta de marcas históricas. Ele foi o primeiro jóquei do mundo que atingiu a marca de 10 mil vitórias (em 2008). Além disso, venceu quatro vezes as estatísticas anuais nos hipódromos da Argentina.

Ricardinho venceu também o Grande Prêmio Brasil, no Jockey Club Brasileiro, o Grande Prêmio São Paulo, o Grande Prêmio Bento Gonçalves e o Grande Prêmio Internacional Latino Americano.

Fonte: Site oficial do Botafogo