Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

28/05/21 às 21:30 - OBA

Escudo Vila Nova
VLN

X

Escudo Botafogo
BOT

Taça Rio

22/05/21 às 15:05 - São Januário

Escudo Vasco
VAS

X

Escudo Botafogo
BOT

Taça Rio

16/05/21 às 11:05 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

1

Escudo Vasco
VAS

Vagner Mancini: ‘Ficamos sete meses sem salário no Botafogo. Fui até o fim porque não tiro o corpo fora’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Vagner Mancini, técnico do Botafogo em 2014
Vítor Silva/SSPress/Botafogo

Atualmente sem clube, Vagner Mancini foi técnico do Botafogo em 2014, ano conturbado e que terminou com a queda para a Série B do Campeonato Brasileiro. Criticado por escalações e substituições, o treinador teve que conviver com diversos problemas extracampo no período, o que prejudicou ainda mais.

Em entrevista ao Esporte Interativo, Vagner Mancini pediu mudança de cultura no futebol brasileiro e lembrou o período.

– Temos que mudar essa cultura de a torcida querer matar todo mundo após uma derrota. Quatro times vão cair. Muitos clubes, o Corinthians é uma prova disso, caíram, voltaram, se fortaleceram e ganharam títulos mundiais. Dói muito, mas entendi que assinei contrato para ganhar ou perder – afirmou Mancini, antes de falar especificamente do Botafogo.

Banner Dia dos Namorados da loja do FogãoNET (presentes para torcedores do Botafogo)

– Isso aconteceu da mesma forma no Botafogo. O pior foi que ficamos sete meses sem salário, não tinha mais diretor, o presidente (Mauricio Assumpção) se afastou e tivemos que segurar a onda junto com os atletas. O presidente voltou e tirou quatro jogadores (Emerson Sheik, Bolívar, Edílson e Julio Cesar), enfraqueceu ainda mais a nossa equipe. E nós fomos até o final porque esse é o papel do técnico, ir até o final e assumir se cair. Muita gente chega na hora que está faltando dez rodadas vai embora e tira o corpo fora. Prefiro cair com o clube e ter dignidade para olhar na cara dos meus atletas e diretoria – argumentou.

Vagner Mancini foi cinco vezes rebaixado no Campeonato Brasileiro, duas vezes disputando a competição inteira, do início ao fim, no Guarani (2010) e no Botafogo (2014).

Fonte: Redação FogãoNET e Esporte Interativo

Notícias relacionadas
Comentários