O Botafogo venceu o Vasco por 3 a 2 nesta quarta-feira pela semifinal da Taça Rio, no Engenhão. O treinador alvinegro, Alberto Valentim, após a partida, destacou as falhas da defesa nas bolas paradas, mas exaltou a tranquilidade de sua equipe na hora de buscar o resultado.

“(O Igor Rabello) Não se abateu. O Botafogo tomava muitos gols de bola parada, hoje aconteceu duas vezes. Está aí a prova de que precisamos melhorar. Carli é um jogador pedido pela torcida, citado por vocês da imprensa. Vou precisar muito dele. Vocês conhecem o Joel mais do que eu. Quando tiver a oportunidade, vai dar conta do recado”, pontuou Valentim.

Completando 43 anos nesta quinta, o técnico do Glorioso tinha motivos para comemorar. Ele exaltou seu time e disse que eles são guerreiros. “Vi um Botafogo melhor em relação ao primeiro tempo de domingo. Nos posicionamos melhor na fase ofensiva, precisávamos corrigir isso. Entramos em desvantagem, o Vasco conseguiu a virada com dois gols de bola parada.

A gente não se perdeu. Pedi para que isso não acontecesse, e conseguimos buscar o terceiro gol com calma (…) Tem que ter um time aguerrido e organizado. Em vez de fazer o gol, acabamos tomando se estiver desorganizado. Que são guerreiros, eu não estou mentindo. O máximo de organização possível”.

Já garantido na decisão da Taça Rio, o Botafogo vai conhecer seu adversário nesta quinta. Ele sai do confronto entre Fluminense e Flamengo, que será às 20h, no Engenhão.

Fonte: O Dia Online