Vice-campeão, Botafogo é apenas 5º em arrecadação no Carioca. Maracanã lidera

Compartilhe:

Dos pouco mais de R$ 3,2 milhões arrecadados na final do Campeonato Estadual entre Vasco e Botafogo, o Maracanã S.A, se considerado apenas o custo pelo aluguel do estádio, levou para casa R$ 532,2 mil. Os finalistas ficaram com R$ 771.557,93 cada um.

E só com o aluguel do Maracanã no Estadual, a concessionária que administra o estádio faturou R$ 3.144.561,96 milhões, tornando-se a grande campeã de bilheteria do Campeonato do Estado do Rio de Janeiro.

A quantia é superior até mesmo ao montante de 10% da renda coletados em todos os jogos pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e ao resultado financeiro que os 16 clubes tiveram durante todo o torneio.

Embora tenha terminado com o “vice”, a Ferj, que embolsou R$ 2.444.672,70 milhões, teve desempenho superior a todos os seus filiados. Turbinado pelas ótimas rendas obtidas nas decisões, o Vasco foi o clube que mais lucrou: levou ao todo R$ 2.318.658,02 milhões para os cofres de São Januário.

Ainda que tenha decidido o Estadual, o Botafogo arrecadou menos que o Flamengo. Enquanto o Rubro-negro obteve R$ 2.005.866,46 milhões, coube ao Alvinegro a fatia de R$ 1.420.345,90. Os valores obtidos com as premiações não foram computados nestes cálculos das equipes.

O EXTRA não obteve retorno da assessoria de imprensa do Maracanã S.A.

Confira o ranking do faturamento no Estadual-2015:

MARACANÃ – R$ 3.144.561,96 milhões

FERJ – R$ 2.444.672,70 milhões

VASCO – R$ 2.318.658,02 milhões

FLAMENGO – R$ 2.005.866,46 milhões

BOTAFOGO – R$ 1.420.345,90 milhão

FLUMINENSE – R$ 388.794,20 mil

BANGU – R$ 90.026,88 mil

MACAÉ – R$ 52.505,85 mil

BOAVISTA – R$ 52.926,56 mil

NOVA IGUAÇU – R$ 52.329,60 mil

BONSUCESSO – R$ 27.557,31 mil

MADUREIRA – R$ 18.153,25 mil

FRIBURGUENSE – R$ 13.756,28 mil

RESENDE – R$ 3.318,48 mil

BARRA MANSA – R$ 2.410,31 mil

CABOFRIENSE – (-R$ 7.807,80 mil)

TIGRES – (-R$ 8.891,04 mil)

VOLTA REDONDA – (-R$ 36.044,44mil)



Fonte: Extra Online
Comentários