Apesar dos jogadores terem visto com bons olhos o empate contra o Ceará, nesta segunda-feira (15), o mesmo não se pode dizer do técnico Zé Ricardo. Em coletiva, logo após a partida, o treinador demonstrou insatisfação com o rendimento do Botafogo. Zé Ricardo acredita que a equipe decaiu contra o Vozão.

“Difícil comentar, pois fizemos uma partida abaixo do que poderíamos fazer. Um pouco decepcionado. Treinamos sabendo da pressão que seria. O resultado hoje, temos que agradecer pelo ponto.  A gente vinha satisfeito com o rendimento. Normalmente, a gente vem criando oportunidades, mas concluindo pouco. Hoje, não temos como comentar taticamente, pois produzimos pouco”, disse Zé Ricardo.

Com uma proposta mais defensiva, a estratégia do Botafogo era negar espaços ao Ceará e sair nos contra-ataques. Porém, além de ter sido pressionado pelo Vozão durante quase todo o jogo, o Glorioso pouco assustou os donos da casa. Zé Ricardo admite que a estratégia não funcionou como o esperado. Além disso, o treinador afirmou que o Ceará merecia a vitória.

“A estratégia era ter um bloco mais baixo. A entrada do Pimpão foi mais para segurar aquele setor de ataque deles. Ele joga muito taticamente. A entrada do Erik seria para aproveitar os espaços. Os extremos do Ceará estavam nos pressionando. Como a gente não conseguia a primeira bola, eles tinham essa posse. Com a entrada do Marcelo, a gente acreditava que daria mais força defensiva. Se tivesse que ter um vencedor teria que ser o Ceará”, afirmou Zé Ricardo.

Zé elogia Saulo

Em meio aos problemas no jogo contra o Ceará, o técnico Zé Ricardo viu com bons olhos a atuação de Saulo. Responsável por impedir a equipe cearense de marcar, o goleiro salvou o Botafogo com grandes defesas. O treinador elogiou a noite de Saulo: “Temos consciência que Jefferson e Gatito são grandes jogadores, mas temos muita confiança no Saulo e no Diego. Ele mostrou todo potencial e a gente tem certeza que terá um futuro brilhante”, concluiu Zé Ricardo.

Fonte: Esporte 24 Horas