Botafogo tem apenas 10% de Erison, e multa é de R$ 10,3 milhões; clube inicia conversas por melhor contrato

88 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Botafogo tem apenas 10% de Erison, e multa é de R$ 10,3 milhões; clube inicia conversas por melhor contrato
Vitor Silva/Botafogo

A diretoria do Botafogo já iniciou conversas para conseguir prorrogar o contrato de Erison e obter um percentual maior dos direitos econômicos do atacante. No momento, segundo reportagem do “GE”, o Glorioso tem apenas 10% do “passe” de El Toro.

Erison foi contratado ainda na era pré-SAF. O contrato com o Botafogo vai até dezembro de 2023, com o atacante tendo 80% dos direitos econômicos e o XV de Piracicaba, ex-clube do jogador, ficando com os outros 10%.

No atual contrato, há gatilhos que fazem o Botafogo conseguir ficar com 70% dos direitos econômicos de Erison, mas a diretoria alvinegra quer antecipar e garantir, pelo menos, mais 40%.

Além disso, a atual multa rescisória de Erison é considerada muito baixa para um atacante de 23 anos de Série A: € 2 milhões (cerca de R$ 10,3 milhões na atual cotação). O El Toro, vale lembrar, é o artilheiro da equipe na temporada, com 12 gols em 19 jogos.

No último fim de semana, Erison se reuniu com seu agente, Ronaldo Lucato, e com o empresário Ruan Alonso no Rio. O Botafogo ainda não discutiu valores e novo tempo de contrato, mas tem o interesse – assim como o estafe do jogador – de valorizar o centroavante e realizar um novo acordo.

Fonte: Redação FogãoNET e GE

Notícias relacionadas