Descartado, Luxemburgo pediu ao Botafogo premiação por acesso e cláusula de liberação para exterior

117 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Vanderlei Luxemburgo no vestiário antes de Vasco x Botafogo |  Campeonato Brasileiro 2020
Reprodução/Vasco TV

Vanderlei Luxemburgo foi um nome cotado no Botafogo para treinador. Mas o alto valor salarial e outras exigências afastaram o acerto. É o que explica o jornalista Paulo Vinicius Coelho, em seu blog no site “GE”.

Segundo PVC, Luxa não era a preferência do presidente Durcesio Mello e fez exigências que o clube não concordou. Uma delas era exigência de premiação por acesso e outra era cláusula contratual de liberação do treinador em caso de proposta do exterior.

Após demitir Marcelo Chamusca, o Botafogo está com Ricardo Resende como interino, enquanto procura novo técnico.

Banner de produtos com frete grátis na loja do FogãoNET: bolsas de academia e mochila do Botafogo

Fonte: Redação FogãoNET e Blog do PVC (GE)

Notícias relacionadas