Ex-Botafogo, Gustavo Bochecha reforça o Coritiba junto com Alex Muralha na Série B

15 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Gustavo Bochecha, ex-Botafogo, conquista acesso à Serie A de 2021 com o Juventude
Instagram (@bochecha11)

O Coritiba fechou acordos e vai contar com mais dois reforços para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. O goleiro Alex Muralha, destaque no último Campeonato Paulista pelo Mirassol, e o volante Gustavo Bochecha, que estava no Juventude, devem ser anunciados oficialmente em breve.

Muralha retorna ao Coxa após três meses longe do Couto Pereira e firmou novo contrato até dezembro de 2023. Já Gustavo Bochecha, de 24 anos, se despediu do Juventude nesta quarta e está liberado para se apresentar no CT da Graciosa.

Antes, o Coritiba contratou dois jogadores para a Série B: o zagueiro Henrique, revelado pelo clube do Alto da Glória, e o atacante William Alves. Desde o início da temporada já foram 18 reforços.

Alex Muralha volta ao Coritiba; Bochecha era alvo desde o ano passado

Alex Muralha foi contratado pelo Coritiba em 2019 após lesão de Wilson e se tornou titular ao longo da temporada. O goleiro esteve na equipe que conquistou o acesso para a Série A do Campeonato Brasileiro. Em 2020, ele esteve no elenco, mas perdeu espaço justamente para Wilson e ficou no banco de reservas. O Coxa optou por não renovar o contrato após o fim do Brasileirão, em fevereiro deste ano.

Sem contrato, Alex Muralha acertou com o Mirassol para a disputa do Campeonato Paulista e foi um dos responsáveis por levar o time do interior até as semifinais. Nas quartas, o goleiro defendeu duas cobranças de pênalti contra o Guarani.

No retorno ao Coritiba, Muralha brigará novamente pela titularidade com Wilson. Os jovens Arthur, Marcão e Diogo Monteiro são os outros goleiros do elenco principal.

Gustavo Bochecha é um interesse antigo do Coxa. As primeiras conversas da atual diretoria começaram em março, mas o Juventude não liberou inicialmente. Agora, com o contrato rescindido, o volante vai realizar os exames médicos nesta quinta-feira para assinar contrato de dois anos.

Contudo, vale lembrar que o meio campista foi alvo do Alviverde no primeiro semestre de 2020. O então técnico Eduardo Barroca fez coro para a contratação do jogador no qual já havia trabalhado no Botafogo.

Fonte: Paraná Portal

Notícias relacionadas