Fortaleza anuncia compra de Júnior Santos, ex-Botafogo, por cerca de R$ 3,7 milhões

629 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Júnior Santos, ex-Botafogo, reforça o Fortaleza
Divulgação/Fortaleza

Júnior Santos oficialmente é jogador do Fortaleza. O clube anunciou a contratação do atacante na noite desta sexta-feira (20/1) e informou que pagou US$ 700 mil (cerca de R$ 3,7 milhões) ao Sanfrecce Hiroshima (JAP) por 100% dos direitos econômicos.

De acordo com a imprensa, o Botafogo queria renovar o contrato de empréstimo de Júnior Santos, mas o Sanfrecce Hiroshima se mostrou irredutível e queria cerca de R$ 15 milhões para vendê-lo.


📢 Leia abaixo o texto divulgado pelo Fortaleza:

“O Fortaleza Esporte Clube comunica o acerto com o atacante Júnior Santos até 31 de dezembro de 2025, adquirindo 100% dos direitos econômicos do atleta por US$ 700 mil. O atacante estava pertencia ao Sanfrecce Hiroshima, do Japão. Na última temporada, atuou pelo Botafogo-RJ.

Júnior Santos retorna ao Leão do Pici após a sua boa passagem na temporada de 2019, quando foi Campeão do Cearense e da Copa do Nordeste, sendo o artilheiro da competição regional com 8 tentos. Nesse ano, Júnior Santos atuou em 27 partidas e fez 10 gols, ao total.

É um atleta muito conhecido do nosso torcedor, teve uma passagem em 2019 no clube, onde foi artilheiro da Copa do Nordeste, fez 10 gols no ano, criou identificação e foi vendido para o futebol japonês. E no futebol japonês, também teve sucesso, lá também teve uma segunda venda. E ano passado, teve uma passagem pelo Botafogo. Agora, a gente adquiriu o Júnior Santos com 100% dos direitos econômicos dele para um contrato de três anos no valor de 700 mil dólares – comentou o Presidente Marcelo Paz.

Banner da loja do FogãoNET

No Sanfrecce Hiroshima, o atacante realizou, ao total, 74 partidas, fez 15 gols e deu 6 assistências. Em 2022, voltou ao Brasil para defender o Botafogo-RJ, onde disputou a Série A.

É um atleta que vem também suprir um pouco a ausência temporária do Moisés. Então, é um atleta que chega mais pronto, que conhece o clube, que conhece a cidade, que pode atuar pelo lado do campo, mas ele pode atuar mais centralizado como segundo atacante. Chegou a oportunidade pra gente, conversamos com o Vojvoda, ele analisou, buscou informações e aprovou a vinda do jogador. Conseguimos conduzir uma negociação de aproximadamente de uma semana com muito sigilo e muito cuidado – concluiu o Presidente.”

Fonte: Redação FogãoNET e site oficial do Fortaleza

Notícias relacionadas