Joia da geração 2004, Kauê encanta no sub-20 e é lapidado no Botafogo: ‘Talento diferente’

31 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Kauê - Botafogo x Floresta - Copa do Brasil Sub-20
Vitor Silva/Botafogo

Não é só Matheus Nascimento que representa o talento da geração 2004 do Botafogo. Kauê, volante de apenas 16 anos, é titular da equipe sub-20 do Glorioso, que está nas semifinais da Copa do Brasil Sub-20, e já tem três gols marcados em quatro jogos na competição.

Kauê assinou recentemente contrato profissional com o Botafogo até novembro de 2023, com multa rescisória de R$ 290 milhões. O jogador foi um dos destaques na vitória sobre o Floresta por 3 a 0 no último domingo, no Nilton Santos, com um gol e uma assistência.

Kauê é uma das nossas joias, tem um talento diferente. Não é fácil para um garoto ainda com idade de sub-17 jogar com tanta personalidade no sub-20. É um jogador muito versátil, é um segundo volante mas com muita chegada, tanto que jogou mais à frente nesse jogo – afirmou o técnico do sub-20, Ricardo Resende, ao Canal do Wellington Arruda.

Desde os primeiros passos na base, Kauê sempre jogou por categorias acima de sua idade e a expectativa é a de que ele possa chegar ao time profissional em breve. Ricardo Resende disse que o processo vem sendo conduzido com tranquilidade.

– É um atleta que estamos preparando bem no sub-20 para quando for lançado no profissional dar alegria à nossa torcida e dar o retorno que o clube espera nesse jogador tão talentoso – afirmou Resende, que valorizou o trabalho de integração do Botafogo:

– Há uma integração muito boa da base com o profissional. A relação do Tiano (Gomes, gerente da base) com o (Eduardo) Freeland (diretor de futebol) é muito boa, assim como a nossa com o (Marcelo) Chamusca, Lucio Flavio e o pessoal da comissão. Queremos ir bem nas competições, mas o mais importante é formar bem os atletas para poderem ir bem no profissional.

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do Wellington Arruda

Notícias relacionadas