Lucio Flavio valoriza integração do sub-23 com profissionais; Botafogo visita o Náutico nesta quinta pelo Brasileiro de Aspirantes

21 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Lucio Flavio valoriza integração do sub-23 com profissionais; Botafogo visita o Náutico nesta quinta pelo Brasileiro de Aspirantes
Satiro Sodré/Botafogo

Líder do Grupo C com 7 pontos em três jogos, o Botafogo visita o Náutico nesta quinta-feira, às 15h, nos Aflitos, com transmissão da TV FPF no YouTube, buscando se aproximar ainda mais da classificação às quartas de final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. O time B do Glorioso tem feito bonito e servido também aos profissionais.

Desde que foi criado, o sub-23 do Botafogo já levou alguns atletas a serem chamados pelo técnico Luís Castro – o principal destaque é Jeffinho, autor de um dos gols da vitória sobre o Athletico-PR no último fim de semana. Lucio Flavio, técnico do time B, valorizou esse processo.

– O trabalho está sendo bem desenvolvido pelos atletas. Em razão do próprio processo, alguns atletas já apresentam condições de atuarem no time principal, isso é muito válido para eles terem uma chance. O objetivo tem se cumprido, no primeiro turno a equipe se saiu muito bem e esperamos manter esse bom rendimento – afirmou Lucio Flavio, à Botafogo TV.

– Sempre converso com eles é que eles precisam se preparar aqui, mas sempre com objetivo de estar ali (nos profissionais). O atleta mesmo sendo jovem tem que ter essa ambição, buscar essa melhora, esse crescimento e aos poucos isso vem acontecendo. Muitos ainda estão compreendendo a dimensão do clube – completou.

Um dos jogadores que receberam essa oportunidade no time de cima foi o lateral-esquerdo DG. Com Hugo suspenso e Marçal ainda sem poder estrear, o jogador que veio do Resende foi titular na derrota para o Atlético-MG, no Estádio Nilton Santos, dia 17.

– É uma motivação boa, porque nosso sonho é chegar lá, treinamos aqui para chegar lá. Isso nos motiva a fazer um bom campeonato, porque sabemos que tem sempre alguém olhando. Foi uma experiência incrível, vinha jogando bem no sub-23 e a oportunidade chegou quando eu menos esperava. O professor sempre fala para treinarmos forte porque a oportunidade vai chegar – comentou DG.

Fonte: Redação FogãoNET e Botafogo TV

Notícias relacionadas