Mazzuco fala sobre procura por CTs e reforços no Botafogo: ‘Estamos buscando opções e o trabalho só termina no dia 12’

51 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Mazzuco fala sobre procura por CTs e reforços no Botafogo: ‘Estamos buscando opções e o trabalho só termina no dia 12’
Vitor Silva/Botafogo

Diretor-executivo de futebol do Botafogo, André Mazzuco falou nesta quinta-feira durante a apresentação do atacante Victor sobre a busca por reforços para o Campeonato Brasileiro. A atual janela de transferências termina no dia 12 de abril, em menos de duas semanas. O Glorioso estreia no dia 10, contra o Corinthians.

Temos uma janela se encerrando em breve, sabemos que seria desafiador. Não tínhamos um número fechado de jogadores, nosso objetivo era aumentar o nível da equipe e temos conseguido isso com os atletas que chegaram. Buscamos ainda reforçar e o trabalho só termina no dia 12. Estamos buscando opções que são escassas hoje por várias razões, fora do Brasil as competições estão em andamento ainda – lembrou Mazzuco.

Outro trabalho em paralelo no Botafogo é a busca por melhorar as condições de treino. Com o campo anexo do Nilton Santos em reformas, o Glorioso treinou nesta quinta no Clube da Aeronáutica, na Barra da Tijuca. A situação estrutural foi um ponto bastante abordado pelo técnico Luís Castro em sua apresentação.

Entendemos as dificuldades que o Botafogo passou nos últimos anos. Eu brinco que os caras foram bem demais na condução ao Botafogo no acesso à Série A, porque a estrutura é muito defasada. Mas temos o mais importante, que são as pessoas: a equipe de trabalho é de extrema qualidade, dificilmente você encontra tanta gente boa no mesmo lugar. Ao mesmo tempo, não temos as melhores condições de trabalho. Essa semana tivemos que nos deslocar, estamos tentando recuperar os campos, o anexo, o próprio Lonier, mas não temos nossa casa, um CT. Não vai faltar trabalho, mas as condições de trabalho são muito inadequadas para um clube da grandeza do Botafogo, isso é sabido. Estamos buscando uma solução. Todos que vieram para cá são sabedores desses problemas – disse Mazzuco.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas