Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

BOTAFOGO LEVA GOL EM PÊNALTI INFANTIL NO FIM E PERDE PARA O NÁUTICO

309 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Rafael Navarro - Náutico x Botafogo - Série B
Tiago Caldas/Náutico

Num jogo bastante movimentado, o Botafogo lutou – inclusive contra uma incrível má vontade do árbitro -, mas acabou sofrendo um gol de pênalti infantil no final e perdeu para o Náutico por 3 a 1 neste domingo, nos Aflitos. O Timbu segue como líder da Série B com 100% de aproveitamento e 15 pontos, enquanto o Glorioso – que perdeu sua invencibilidade – é o quarto, com oito.

Diante do líder e com pouco tempo de recuperação, o Botafogo fez um primeiro tempo relativamente bom nos Aflitos. Criou chances, mas acabou sofrendo o gol num lance originado num erro de arbitragem. Após escanteio – que não existiu -, Vinicius desviou no primeiro pau e Pedro Castro, de peixinho, fez contra: Náutico 1 a 0. Na súmula, o árbitro deu o gol contra para Rafael Navarro.

O Botafogo teve chances de empatar, mesmo não fazendo uma grande partida. Aos 18 minutos, Chay cobrou falta com categoria e Alex Alves fez ótima defesa. Dois minutos depois, Pedro Castrou cruzou da esquerda, Rafael Navarro chegou finalizando de carrinho e o goleiro do Náutico fez outra difícil intervenção.

O técnico Marcelo Chamusca fez mudanças no intervalo e o Botafogo seguiu em cima. Aos 10 minutos, Pedro Castro perdeu uma chance incrível, sendo bloqueado pelo goleiro. Porém, o Náutico teve a chance de “matar o jogo”. PV derrubou Erick dentro da área: pênalti. Kieza bateu e Douglas Borges defendeu.

Aí o Botafogo conseguiu o empate justamente num erro do Náutico. A defesa saiu jogando de forma equivocada, Rafael Moura tocou para Diego Gonçalves, que rolou para Felipe Ferreira chutar de canhota no canto: 1 a 1. Todos os envolvidos foram lançados por Marcelo Chamusca no decorrer do jogo.

O jogo parecia se encaminhar para o empate, mas aos 42 minutos veio o lance crucial. PV derrubou Hereda de maneira infantil dentro da área – ficou a dúvida se a bola ainda estava dentro de campo – e o Náutico teve mais um pênalti a seu favor. Desta vez, Jean Carlos foi para a cobrança e não deu chances de defesa para Douglas Borges: 2 a 1. No último lance, Paiva ainda fez o terceiro e fechou o placar.

Próximos jogos do Botafogo

O Botafogo volta a campo só no próximo fim de semana, já que a partida contra o CSA, que seria na quarta-feira, foi adiada por conta da utilização do Estádio Nilton Santos na Copa America. No sábado que vem, o Glorioso faz mais um jogo fora de casa, contra o Sampaio Corrêa, às 16h30, no Castelão.

FICHA TÉCNICA
NÁUTICO 3 X 1 BOTAFOGO

Estádio: Aflitos
Data-Hora: 20/06/2021 – 16h
Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)
Assistentes: Ricardo Junio de Souza (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)
Renda e público: Portões fechados
Cartões amarelos: Vinícius, Camutanga, Wagner Leonardo e Hereda (NAU); Warley, Rafael Carioca, Kanu, Pedro Castro, Guilherme Santos e Rafael Moura (BOT)
Cartões vermelhos: Hélio dos Anjos 8’/1ºT (NAU); Caio Autuori 51’/2ºT (BOT)
Gols: Rafael Navarro (contra) 15’/1ºT (1-0), Felipe Ferreira 29’/2ºT (1-1), Jean Carlos 44’/2ºT (2-1) e Paiva 50’/2ºT (3-1)

NÁUTICO: Alex Alves; Hereda, Camutanga, Wagner Leonardo e Bryan; Matheus Trindade (Luiz Henrique 39’/2ºT), Rhaldney (Marciel 19’/2ºT) e Jean Carlos; Erick (Paiva 39’/2ºT), Kieza (Giovanny 39’/2ºT) e Vinícius (Matheus Carvalho 28’/2ºT) – Técnico: Hélio dos Anjos.

BOTAFOGO: Douglas Borges; Warley (Daniel Borges – Intervalo), Kanu, Gilvan e PV; Luís Oyama, Pedro Castro (Rafael Moura 24’/2ºT) e Guilherme Santos; Chay (Diego Gonçalves – Intervalo), Rafael Navarro e Marco Antônio (Felipe Ferreira 24’/2ºT) – Técnico: Marcelo Chamusca.

VÍDEO | Gols e melhores momentos:

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas
Comentários