Ansiosos, alguns torcedores pesaram demais nas críticas sobre atuação contra o Cruzeiro; Botafogo sobe

125 comentários

Blog da Redação

Blog da Redação

Compartilhe

Cruzeiro x Botafogo
Bruno Haddad/Cruzeiro

O Botafogo somou mais um ponto importante ao empatar com o Cruzeiro em 0 a 0 num jogo muito difícil nesta terça-feira, em Belo Horizonte. Tinha torcida contra, arbitragem medrosa, pressão de um time desesperado e que vinha numa boa fase, que jogava a vida. Mas chamou a atenção o tom das críticas de alguns torcedores nas redes sociais.

A impressão que se passa é que alguns alvinegros pensam que o Botafogo está na Série A, tem um time de craques e muito dinheiro no bolso. Não tem nada disso. Depois de um início claudicante com Marcelo Chamusca, o Glorioso conseguiu entrar no rumo com Enderson Moreira e caminha a passos largos para voltar à Primeira Divisão.

O Cruzeiro vinha de uma vitória sobre o líder Coritiba por 3 a 0 fora de casa. Não é pouca coisa. Apesar da situação ruim na tabela, a Raposa é um clube de tradição, de força, e faz campanha de G-4 sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo. Não dá para minimizar esses pontos. Nem pensar que o Fogão iria chegar no Independência e vencer com o pé nas costas.

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

Por isso tudo, é preciso deixar a ansiedade de lado e continuar confiando. O desempenho fora de casa ainda não é dos melhores, mas o Fogão hoje tem uma situação segura para conquistar o acesso. Faltam oito jogos só.

Diante do Cruzeiro, o Botafogo não conseguiu atacar muito, mas também não foi envolvido. A equipe mineira, precisando demais da vitória, claro que pressionou, mas foi mais na base das bolas paradas e em chutes de fora da área. Diego Loureiro foi muito bem quando exigido, mas não foi um passeio como muitos pintaram – inclusive na imprensa.

Não há supertimes na Série B, não há ninguém apresentando um futebol belíssimo, os jogos todos são sempre duros. O Botafogo vai subir. E isso passa pelo apoio maciço da torcida na próxima quarta-feira, contra o Brusque, no Estádio Nilton Santos. Não podemos deixar essa ansiedade nos atrapalhar.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas