Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

20/06/21 às 16:00 - Aflitos

Escudo Náutico
NAU

X

Escudo Botafogo
BOT

Série B

17/06/21 às 19:00 - Do Café

Escudo Londrina
LON

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT
Ler a crônica

Série B

13/06/21 às 16:00 - Raulino de Oliveira

Escudo Botafogo
BOT

3

X

0

Escudo Remo
REM
Ler a crônica

Botafogo paga o preço pela covardia de seus dirigentes

0 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Nelson Mufarrej, presidente do Botafogo
Úrsula Nery/Ferj

Não dá para cobrar em campo de alguns jogadores que não podem render mais do que já rendem. Não dá para se lamentar erros de arbitragem quando se nada faz para mudar o estado das coisas. Também não dá para culpar fragilidades do plantel quando se contrata um monte de nomes e ainda se vê várias lacunas. O Botafogo de hoje é um reflexo da covardia de seus dirigentes.

Nelson Mufarrej bradou após o jogo contra o Bahia. Tudo bem que fez isso só depois que todo mundo reclamou e a imprensa cobrou sua apatia. Disse que ia protestar na CBF. Alguém tem notícia do protesto? Deram alguma sequência ao caso. Não. Talvez ele não tenha tido tempo para isso. Resultado: mais um erro de arbitragem.

E ninguém abre a boca…

Pênalti em Kalou | Botafogo x Red Bull Bragantino | Campeonato Brasileiro 2020
Pênalti em Kalou no Botafogo x Red Bull Bragantino | Campeonato Brasileiro 2020

O pior é que não dá só para colocar a culpa no árbitro. O Botafogo não consegue imprimir ritmo nem quando tenta. A falta de velocidade é clara. Tão clara quanto se lembrar da falta que Luis Henrique e até Luiz Fernando fazem ao plantel. O erro estratégico ao se montar um elenco e se contratar mais de 25 jogadores em uma temporada.

E sobre o elenco, por sinal, ninguém fala. Aliás, com o Montenegro indo embora é que ninguém abre a boca mesmo. A atual diretoria conta as horas para a eleição para passar o bastão e depois dizer que não tem nada a ver com isso. Enquanto isso o Botafogo afunda no Campeonato Brasileiro esperando por um milagre de Ramón Díaz.

Notícias relacionadas
Comentários