O Botafogo precisa de um nome de peso para o seu ataque. Todos os grandes times que foram montados pelo Glorioso sempre contaram com um jogador qualificado no comando de ataque. Os mais antigos vão citar Amarildo e Quarentinha, por exemplo, como grandes finalizadores. Quem não se lembra do faro de gol e da capacidade de desequilibrar de Túlio Maravilha? Ou dos gols bonitos de Dodô? Isso para não falar de Loco Abreu.

Todo time que pretende brigar por títulos precisa de uma referência em seu ataque. E com o Botafogo a receita não é diferente. Rodrigo Aguirre, a aposta da atual diretoria, sequer conseguiu virar titular. Brenner foi muito bem devolvido ao Internacional. Jogador, com todo o respeito, no máximo para compor elenco no Alvinegro. Kieza permanece, mas esteve longe de empolgar em 2018.

Desde que o futebol é futebol todos falam que um time precisa de um grande goleiro e de um grande centroavante. Pelo menos para começar a fazer frente. No primeiro caso o Botafogo está muito bem servido com Gatito Fernández. E ainda busca no mercado uma opção para repor a aposentadoria de Jefferson. Agora chegou o momento de ir ao mercado com sangue nos olhos para trazer um matador.

Torcida do Botafogo precisa ter por quem gritar

É a hora de termos novamente um camisa 9 (no caso alvinegro pode ser 7) capaz de marcar gols e fazer a torcida ter por quem gritar na arquibancada, como recentemente gritou por Túlio Maravilha, Dodô e Loco Abreu. A camisa 9 está vaga e precisa ser bem preenchida.

LEIA TAMBÉM:
Botafogo não pode ceder Caio Alexandre de graça
Leonardo Valencia ainda tem muito a dar ao Botafogo
Renan Gorne, Lucas Campos, Leandro Carvalho… Botafogo deve ter um timaço
Moreira Salles no Botafogo: clube já viveu épocas douradas
Botafogo e os pontos que ficaram pelo caminho 
Botafogo precisa começar a planejar 2019
Quem deve ficar no Botafogo em 2019?
O Botafogo e o que representou Jefferson
Botafogo prova que salário atrasado é o pior inimigo
Botafogo e o balanço do elenco de 2018
Categorias de base: o Botafogo tem o que aproveitar
Irmãos Moreira Salles em General: Esse é o Botafogo que eu conheço