John Textor e Luís Castro mostram o real tamanho do Botafogo

44 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

John Textor e Luís Castro mostram o real tamanho do Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Nos últimos anos acompanhamos o comportamento de parte da mídia e de torcidas adversárias desmerecendo a história e a tradição do Botafogo. Além disso em alguns casos parte da mídia dava a impressão de vibrar com as crises e problemas do clube. Já escrevi sobre isso inúmeras vezes e seria repetitivo fazendo críticas. Mas nas últimas entrevistas e ações da dupla John Textor e Luís Castro fica visível que eles estão mostrando o real tamanho do Botafogo.

Parece curioso que estrangerios tenham que vir ao Brasil fazer isso. Mas é o que está acontecendo. Luís Castro tinha propostas de outros clubes. Mas nunca escondeu que o fato de ser um clube do tamanho do Botafogo, com sua história, fez toda a diferença. Chegar em um clube que está ganhando muito nos últimos anos e ser campeão, seria mais um. Mas chegar ao Botafogo, com a sua história, um clube onde jogou nomes que vi ganhar as Copas, e construir algo será marcante. Quero escrever meu nome na história do clube – disse na entrevista de apresentação e em outras ocasiões.

Grandeza e tradição andam juntas

Garrincha e Jaizinho são indicados no ataque do ‘Dream Team’ da Bola de Ouro
Garrincha e Jairzinho: poucos clubes têm tanta história (Foto: Reprodução)

Luís Castro sabe que grandeza e tradição andam juntas. Não se pode separar quando falamos de futebol. Já Textor não deixa por menos. Em algumas entrevistas deixou claro que no Crystal Palace existe o interesse por tudo o que se passa no Botafogo. Algo que não vi a imprensa destacar com a devida importância.

Além disso por várias vezes, nas ocasiões em que fala sobre investimento, lembra de como precisa agir por conta da grandeza do Botafogo. Sua preocupação com a história do clube mostra apenas que estamos vendo mais do que um dono de negócio, e sim um apaixonado por uma bela história. Uma das mais bonitas do futebol mundial.

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas