Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Sem Lisca, Botafogo analisa o nome de Marcelo Cabo

150 comentários

Blog do Mansell

Blog do Mansell

Compartilhe

Marcelo Cabo - Atlético-GO
Heber Gomes/ACG

A diretoria do Botafogo ganhou mais um nome para analisar. Trata-se de Marcelo Cabo, que ganhou força nos bastidores botafoguenses tão logo Lisca recusou a proposta do Glorioso. Mas ainda não houve uma proposta oficial.

Apenas dois nomes eram consenso entre os dirigentes: Lisca, que recusou o clube e aceitou o Vasco, e Dorival Júnior. O primeiro queria o Glorioso, mas recusou por pressão de seus empresários. O segundo disse que seria uma honra dirigir o clube, mas está no Sul por conta de problemas pessoais. Por isso que está longe do mercado há algum tempo.

Marcelo Cabo pode ser considerado o nome que mais se aproximou de um consenso fora Lisca e Dorival. Há o entendimento que o Vasco se precipitou na demissão do treinador, uma vez que o time da Colina está perto do G-4.

Marcelo Cabo já esteve no radar do Botafogo

Marcelo Chamusca e Marcelo Cabo - Botafogo x Vasco
Marcelo Chamusca venceu Marcelo Cabo na preferência da diretoria

Além disso Marcelo Cabo chegou a ser cotado antes de Chamusca, deixou boa impressão, mas o Glorioso acertou com Chamusca. Cabo também já está adaptado ao Rio de Janeiro, conhece os caminhos do acesso e cabe nos cofres do clube. Uma série de fatores que favorece seu nome.

O Botafogo aguarda o resultado do jogo contra o Goiás para ver como o time vai se comportar. Uma vitória, com boa atuação, dá tempo para a diretoria pensar e até cogitar seguir mais um tempo com Ricardo Resende. Um tropeço pode escancarar de vez as portas do clube para Marcelo Cabo.

Notícias relacionadas
Comentários