Mesmo com a derrota por 2 a 1 para o Botafogo, o técnico Abel Braga, do Fluminense, saiu “orgulhoso” de campo. Segundo ele, a equipe tricolor “jogou pra caramba”, principalmente no primeiro tempo, e merecia os três pontos no Estádio Nilton Santos. Na entrevista coletiva após o clássico, números foram apresentados e o goleiro Jefferson foi chamado de “monstro”.

– O futebol é mentira. Esse resultado é mentiroso. Se fosse empate, seria mentiroso também. Meu time finalizou 21 vezes, 60% de posse de bola… O primeiro tempo foi brincadeira. Foram uma vez e fizeram o gol, foi uma coisa absurda. Nós não merecíamos isso. Se fosse empate, estaria chateado da mesma maneira – desabafou.

As “defesas impossíveis” do ídolo alvinegro durante o jogo também foram destacadas pelo rival.

– O Jefferson é um monstro. A defesa que ele fez no chute do Sornoza, não é possível, cara. A bola não foi reta, caiu um pouquinho ali. Eu não acreditei. Mas tudo bem, é um grande jogador.

Veja o vídeo abaixo: