Via Marcelo Crivella, prefeito alvinegro do Rio de Janeiro, o Botafogo entregou na tarde deste domingo, no Maracanã, durante o jogo Paraguai x Catar, pela Copa América, uma camisa do Glorioso personalizada para o xeque Hamad Bin Khalifa Bin Ahmad Al Thani, presidente da QFA (Associação de futebol do Catar).

O Boletim do C.E apurou que a intenção da ação da diretoria do Botafogo, liderada pelo presidente Nelson Mufarrej e pelo VP comercial e marketing Ricardo Rotenberg, foi estreitar os laços com o país-sede da próxima Copa do Mundo, que será realizada entre 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022.

A família Al Thani, do atual emir do Catar, Tamim Bin Hamad Al Thani, é a mais poderosa do país asiático e responsável direta pelos investimentos bilionários no Paris Saint-Germain (PSG) por meio do fundo de investimentos Qatar Sport Investiments (QSI).

Fonte: Redação FogãoNET