O acordo do Botafogo com o Atlético-MG pela venda do zagueiro Igor Rabello está perto de ser concretizado, como noticiou o jornal “O Tempo”, de Belo Horizonte, neste sábado. O valor fechado do negócio é de R$ 13 milhões por 70% dos direitos econômicos do General mais o reforço do defensor Gabriel, de 23 anos, até o fim da temporada 2019. A decisão final deve ser conhecida apenas após a virada do ano.

O Boletim do C.E apurou que nas conversas com o clube mineiro, lideradas pelo presidente Nelson Mufarrej, ficou acertado também que o Fogão ficará com 30% dos direitos de Gabriel em uma futura negociação e ainda dividirá o salário do jogador (50%), o que alivia os cofres de General Severiano e não compromete a montagem do elenco para o ano que vem.

Os termos do negócio lembram um pouco os moldes da contratação do atacante Brenner, que pertence ao Internacional, e ficou emprestado nos últimos 18 meses ao Botafogo – o Alvinegro tem 20% dos direitos do atleta.