O atual departamento médico do Botafogo procurou o Boletim do C.E para dar sua versão a respeito das declarações do meia Montillo à ESPN Brasil, no programa “Bola da Vez, exibido na noite do último sábado. Segundo o jogador argentino, assim que chegou ao Tigre, seu atual clube, se deu conta que sua recuperação era algo “simples”, dando a entender que a solução para as suas seguidas lesões não foram vistas pelo Alvinegro no primeiro semestre de 2017.

Segundo o DM do Botafogo, a nova equipe de profissionais assumiu o posto em maio, exatamente um mês antes da despedida de Montillo do Glorioso. Desta maneira, “não houve tempo hábil para trabalhar o atleta e estabelecer uma relação médico x paciente”. Acredita-se ainda na possibilidade do ex-camisa 7 não ter conhecimento da mudança da estrutura médica. Por fim, segundo o comunicado, o esclarecimento se faz necessário por “muitas pessoas acabarem interpretando as notícias de forma errada” nas redes sociais.

A coluna do FogãoNET conversou com o Dr. Christiano Cinelli, coordenador do atual departamento médico, que valorizou os últimos trabalhos da sua equipe, principalmente o realizado com João Paulo, durante a temporada 2018.

– O João Paulo vem jogando em alto nível por 90 minutos depois de uma fratura gravíssima. Hoje em dia não há ninguém no departamento médico, nenhuma lesão muscular. Ano passado tivemos um índice baixo de lesões, apesar do elenco enxuto. E todos que operaram até hoje voltaram jogar normalmente – enfatizou o ortopedista.

João Paulo em recuperação no BotafogoVOLTA POR CIMA – João Paulo durante processo de recuperação no Botafogo (Foto: Reprodução/Instagram)

Relação de atletas operados pelo atual departamento médico do Botafogo:

Gustavo Bochecha
– lesão do ligamento cruzado anterior (PD)*

Igor Cássio
– lesão do ligamento cruzado anterior (PD)

João Paulo
– fratura gravíssima de tíbia e fíbula (PD)

Joel Carli
– lesão meniscal (PD)

Leandrinho – emprestado ao Sport
– lesão do ligamento cruzado anterior (PD)

Leandro Carvalho – vendido ao Ceará
– lesão meniscal (PD)

Marcinho
– lesão do ligamento cruzado anterior (PD)

Yuri
– fratura de base de quinto metatarso (PD)**

* PD – Perna direita
**
Curiosidade apontada pelo DM: “Operou depois e voltou antes que o Neymar, sem complicações”.

Fonte: Redação FogãoNET