Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Série B

13/06/21 às 16:00 - Raulino de Oliveira

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Remo
REM

Série B

05/06/21 às 21:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

2

X

0

Escudo Coritiba
CTB

Série B

28/05/21 às 21:30 - OBA

Escudo Vila Nova
VLN

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Especial eleição no FN: sócio-torcedor votar ou não? Candidatos planejam melhorias no Botafogo

6 comentários

Boletim do C.E.

Boletim do C.E.

Compartilhe

Botafogo atinge marca de 30 mil sócios
Reprodução/Sou Botafogo

Um universo de cerca de 1.600 sócios vai definir o presidente do Botafogo para os próximos quatro anos, entre Alessandro Leite, Durcesio Mello e Walmer Machado. A eleição será realizada nesta terça-feira, em General Severiano.

Em entrevista ao FogãoNET, que terá a íntegra divulgada a partir de 20h no nosso canal no YouTube, os candidatos falaram sobre a possibilidade de o sócio-torcedor ter direito a voto no clube nas próximas eleições e sobre os planos de melhorias no programa. Hoje, o clube tem 31.694 sócios-torcedores no Sou Botafogo.

Leia abaixo as respostas:

Alessandro Leite

– O sócio-torcedor, como um todo, precisa ser reformulado. Nós entendemos que, apesar dos nossos valores serem bem agradáveis ao torcedor, tem que ter alguma coisa de diferente. Não dá para ficar do jeito que está. Principalmente, em relação ao sócio-torcedor votante. Esse produto precisa ser reformulado com certa urgência, justamente para que possa atrair aquele sócio-torcedor que pretende participar mais ativamente da vida política do clube, estar mais próximo do que vem acontecendo fora das quatro linhas. Por outro lado também, não podemos faltar com a verdade e dizer que basta uma canetada do presidente para que isso seja alterado. É preciso uma operação no Estatuto, mas acreditamos que não seja nada tão difícil de ser feito. É uma das nossas prioridades de campanha: melhorar o sócio-torcedor e trazê-lo para participar da vida do clube para que na hora das eleições ele tenha o direito de participar do pleito.

Durcesio Mello

– O sócio-torcedor votar e, assim participar do processo político do Botafogo, é muito bom e traz uma renovação. Porém, teremos que revisitar esse processo, que foi aprovado pelo Conselho Deliberativo e, por algum motivo, nunca implementado. Vale salientar que com a S/A, que sou adepto da importância dela, o sócio-torcedor será parte da gestão da mesma. O importante é que sei que o maior patrimônio que temos é a torcida, que tem que ser bem tratada.

Walmer Machado

– O sócio-torcedor é um projeto nosso de campanha. Nós precisamos resgatar, dar voz e voto ao sócio-torcedor. Hoje, se o sócio-torcedor votasse, certamente nossa campanha estaria muito bem, porque nós prestigiamos e vamos prestigiar sobremodo os sócios-torcedores, porque são a alma do clube. São aqueles milhões de apaixonados e fervorosos torcedores que dão a vida pelo clube. Esses são os melhores ativos que qualquer clube possui, no caso, o nosso Botafogo. Meu sincero respeito e admiração por eles. Vamos fazer as alterações necessárias no Estatuto, com as devidas adaptações, para que possamos no nosso mandato deixar pronto para que na gestão vindoura, na próxima eleição, o sócio-torcedor seja uma realidade e com todo o direito que tem de votar no mandatário do clube.

Canal do FogãoNET no YouTube - Notícias e vídeos sobre o Botafogo


Assista ao vídeo da entrevista abaixo e inscreva-se no nosso canal no YouTube:

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas
Comentários