Carlos Eduardo Sangenetto
11/06/2017
Rio de Janeiro (RJ)

O atacante Henrique Almeida, do Coritiba e ex-Botafogo, provocou os torcedores alvinegros na manhã deste domingo após marcar o segundo gol do Coxa, também de pênalti, no Nilton Santos. Na comemoração, o jogador correu no gramado fazendo gesto do “chororô“, provocação de flamenguistas a botafoguenses que ficou famosa em 2008.

Após a provocação, aos 11 minutos do segundo tempo, os jogadores do Fogão cercaram o árbitro Flavio Rodrigues de Souza, que puniu o atacante com cartão amarelo, para protestos do companheiro Kleber Gladiador.

– Entendam como quiser – disse Henrique, sorrindo, ao ser perguntando pelo Premiere sobre a polêmica no fim do jogo.

Henrique dá entrevista após chororôHenrique deixou provocação “no ar” (Foto: Reprodução/Premiere)

Passagem muito fraca pelo Botafogo

Henrique não jogou bem quando defendeu as cores do Botafogo e não deixou saudade. Com atuações apagadas, anotando apenas cinco gols em 46 jogos, segundo o raio X do site oGol.com.br, foi contestado pela torcida e emprestado duas vezes até o fim do seu contrato com o Glorioso, para o Bahia e o Coritiba.

Henrique Almeida fez o gesto do chororô após marcar o gol sobre o BotafogoHenrique provocou botafoguenses com chororô após segundo gol do Coritiba (Foto: Reprodução/Premiere)

Mágoa?
Provocação barata?
O que será que tem por trás disso aí? Deixe seu pitaco.

Saudações alvinegras!