O jornalista Mauro Cezar Pereira, da ESPN Brasil, comentou os erros de arbitragem que têm comprometido o Botafogo nas rodadas que antecedem a pausa do Campeonato Brasileiro para Copa do Mundo de 2018. A expulsão injusta do atacante Rodrigo Aguirre no jogo contra o Bahia, último domingo, foi considerada absurda e o pouco barulho da imprensa em torno dos fatos também foi destacado (veja vídeo abaixo).

– O Botafogo foi operado sem anestesia em Salvador. Um absurdo, um erro gravíssimo. E o campeoníssimo atrás do gol nada fez, se omitiu. Foi nítido, escancarado que a falta foi do jogador do Bahia – disse Mauro, na noite desta segunda-feira, na bancada do programa Linha de Passe.

A diferença do tratamento da imprensa quanto aos erros de arbitragem no Brasileirão também foi apontada. Segundo o profissional, quando o prejudicado é o Flamengo, por exemplo, há mais repercussão.

– Ontem (domingo), o que a arbitragem fez foi parecido com aquele episódio do Everton Ribeiro no jogo Vitória x Flamengo. Só que a repercussão, quando é jogo do Botafogo, é muito menor. Quando é jogo do Flamengo, é muito maior. Então pouca gente está falando – acrescentou.