Radar dos emprestados: como os jogadores cedidos pelo Botafogo terminaram a Série B do Brasileirão-2022

75 comentários

Carlos Eduardo Sangenetto

Carlos Eduardo Sangenetto

Compartilhe

Fabinho (Sport Recife), Chay (Cruzeiro) e Ronald (Novorizontino), emprestados pelo Botafogo na Série B do Brasileirão-2022
Reprodução/Premiere | Roberto Zacarias/Staff Images/Cruzeiro | Reprodução/Premiere

A Série B do Brasileirão-2022 terminou na noite deste domingo (6/11) com a confirmação dos acessos de Cruzeiro, Grêmio, Bahia e Vasco e as quedas de Náutico, Brusque, Operário-PR e CSA. Durante a disputa do campeonato nacional, três jogadores estiveram em campo emprestados pelo Botafogo: o volante Fabinho, o meia-atacante Chay e o ponta Ronald.

Fabinho titular absoluto do Sport

Do trio, o único que tem o contrato acabando no fim de 2022 e não precisaria se reapresentar ao Botafogo é Fabinho, que defendeu o Sport. Aos 35 anos de idade, o experiente meio-campista foi titular absoluto em 29 partidas pelo Leão e ainda marcou três gols, dois deles na importante vitória por 5 a 1 sobre o Operário-PR na Arena Pernambuco, que possibilitou o time rubro-negro a chegar à reta final da competição ainda brigando pelo acesso à Série A.

Chay não fica no Cruzeiro

Diferentemente de Fabinho, Chay não teve uma participação tão efetiva na campanha do título da Série B do Cruzeiro. Contestado por torcedores do Fogão e sem espaço no elenco do técnico Luís Castro, o meia de 32 anos chegou à Raposa no fim de julho e atuou apenas seis vezes, quatro como titular. Não balançou as redes e deu somente uma assistência, em cobrança de escanteio, no empate em 1 a 1 com a Chapecoense no Mané Garrincha, em Brasília. Em entrevista ao “Canal Samuel Venâncio”, o ex-camisa 14 alvinegro, agora bicampeão da Segunda Divisão, confirmou que vai se reapresentar ao Botafogo, clube que tem vínculo assinado até o fim de 2024.

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

Ronald escapa do rebaixamento

Por fim, com contrato até maio de 2023, temos Ronald. O baixinho de 1,62m estreou pelo Novorizontino ainda no primeiro semestre e foi titular na maioria dos jogos em que foi acionado (15 de 23). O ponta-direita de 25 anos fez dois gols, deu quatro assistências (três delas em uma atuação decisiva na vitória sobre o Criciúma) e comemorou, na última rodada, a fuga do rebaixamento para Série C. A equipe paulista terminou o torneio na 16ª colocação.

E aí, aceitariam alguém de volta? O contrato de Fabinho acaba, mas e Chay e Ronald? Alguém ainda pode ser útil ao elenco do Glorioso ou devem ser emprestados novamente?

Fonte: Redação FogãoNET

Notícias relacionadas